OS MEUS DESEJOS PARA TODOS

RecadosOnline.com

domingo, 22 de fevereiro de 2009

QUARENTA HORAS DE ADORAÇÃO AO SSº

Da "Voz Portucalense" de 11-02-2009, transcrevo com a devida vénia esta notícia: Esclareço ainda que a Paróquia da Senhora do Porto e Comunidade de S. Paulo, do Viso, estarão presentes na Igreja do Santíssimo Sacramento - Porto, para participar nesta Adoração, das 21 às 22 horas.
Devoção das quarenta horas na paróquia do Santíssimo

É já o 5º ano consecutivo da iniciativa das Quarenta Horas contínuas de oração, re-iniciada no “Ano da Eucaristia” (2005), do Santo Padre João Paulo II. Este ano tem por tema “Dai-lhes vós mesmos de comer” (Mt.14,16).

A paróquia do Santíssimo Sacramento, única na diocese do Porto com tão sublime Patrono ou titular, assume com muita alegria promover as 40 horas de adoração, prática de há séculos na Igreja.

A Confraria do Santíssimo Sacramento, com Estatutos renovados recentemente, toma como sua norma estatutária promover as 40 Horas de Adoração.

Assim, no domingo 22 de Fevereiro às 19 horas, D. Manuel Clemente, bispo do Porto, presidirá à Eucaristia no começo da Adoração que se prolongará noite e dia, até às 12h de 3ª feira, 24 de Fevereiro. D. João Miranda, Bispo Auxiliar, presidirá à procissão e bênção do Santíssimo.

Paróquias e Movimentos, famílias e grupos, crianças e jovens assegurarão tempos de Adoração, de dia e de noite. Connosco, e desde 2005, estará o P. Dário Pedroso, sj, Director Nacional do Apostolado da Oração. Terá 5 intervenções nos 3 dias.

A vigilância à igreja é assegurada de noite e de dia pela P.S.P.. Equipas de voluntários,devidamente identificados, prestarão ajuda a quem precisar. A freguesia de Arada, donde é natural o pároco, vai fornecer as mais belas orquídeas para o altar. Para quem não sabe, a igreja paroquial do Santíssimo Sacramento situa-se na rua Guerra Junqueiro, 600, à Avenida da Boavista, a 300 metros da Rotunda.

A proposta “Dai-lhes Vós mesmos de Comer” (Mt.14,16) é uma palavra do próprio Cristo a seus discípulos ao constatar a multidão que O seguia há já três dias sem comer. Tem toda a actualidade. A pobreza “imerecida” de tantos é génese de mal-estar, de revolta, de guerra. “Combater a pobreza, construir a Paz”, sublinhava Bento XVI no Dia Mundial da Paz, a 1 de Janeiro de 2009.

O contacto com a Eucaristia, alimento para a Vida do homem, suscita nas comunidades toda uma acção pastoral sócio-caritativa e profética. A adoração e contemplação do mistério eucarístico leva-nos à acção das chamadas “Obras de misericórdia”, nascidas do Evangelho. Ao adorarmos e recebermos o Pão consagrado comprometemo-nos a saciar estômagos vazios, no respeito mais elementar de “dar de comer a quem tem fome”.

Apresentação de monografia

Paróquia do Santíssimo Sacramento – história e vida pastoral é o título da monografia da paróquia do Santíssimo Sacramento, agora concluída, que conta com a colaboração de Agustina Bessa-Luís, escritora, de Germano Silva, jornalista, de D. Gabriel de Sousa, OSB, já falecido, e de D. Carlos Azevedo, Bispo Auxiliar de Lisboa.

A apresentação da obra terá lugar no sábado 21 de Fevereiro, às 17h30, no cinema Nun’Álvares, na Rua Guerra Junqueiro (perto da igreja paroquial). Contará com a intervenção de Hélder Pacheco, um historiador do Porto. São convidados os Presidentes das Câmaras Municipais do Porto e de Ovar, e os Presidentes das Juntas de Cedofeita, Lordelo do Ouro, Massarelos e Ramalde frequesias da cidade por onde se espalha a paróquia do Santíssimo Sacramento). Estará presente o monge D. Luís Aranha, Abade de Singeverga. Digna-se presidir à sessão D. Manuel Clemente, Bispo do Porto.

LOUVADO SEJA DEUS, LOUVADO SEJA NOSSO SENHOR JESUS CRISTO,

LOUVADA SEJA SUA MÃE MARIA SANTÍSSIMA,

POR TODOS OS SÉCULOS DOS SÉCULOS. AMÉN.

http://voz-portucalense.pt António Fonseca