OS MEUS DESEJOS PARA TODOS

RecadosOnline.com

sexta-feira, 11 de março de 2011

Maremoto(Tsunami) Japao 11.3.2011 Magnetude 8.8.flv

TERRAMOTO NO JAPÃO - 11-MARÇO-2011



VIA SACRA - QUARESMA DE 2011

 

NOTA PESSOAL:

Com início hoje, Sexta-feira depois das Cinzas, 11 de Março de 2011, vai começar a  na Igreja da Comunidade de S. Paulo do Viso a celebrar-se (todas as sextas-feiras) até à Páscoa, às 19 horas, a VIA SACRA.

Desconheço qual será a versão que se irá apresentar (pois todos os anos tem havido alterações, na adopção de um modelo dos vários que existem). No entanto tal não impede que descreva aqui uma que escolhi aleatoriamente.

VIA SACRA DE JESUS

Oração Preparatória  

A Agonia de JESUS no Getsémani

Ó meu Jesus, que para nos salvar carregastes a cruz até o Calvário, suportando dores, injúrias e humilhações, ajudai-me agora a meditar esses vossos sofrimentos e dai-me forças para não vos ofender nunca mais. Que esta Via Sacra aumente em mim o amor a Deus e ao próximo. Ámen

PRIMEIRA ESTAÇÃO: JESUS É CONDENADO A MORTE

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, os meus pecados gritaram: "Crucifica-o! Crucifica-o! " Mas foi mais a minha ignorância do que a minha malícia que me levou a este desatino. Perdão, Senhor!

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico) A morrer crucificado, teu Jesus é condenado, por teus crimes, pecador. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus 

SEGUNDA ESTAÇÃO: JESUS TOMA A CRUZ ÀS COSTAS.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, os meus pecados tornaram a vossa Cruz ainda mais pesada. Perdão, Eu não quero mais pecar.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Com a Cruz é carregado, e do peso acabrunhado, vai morrer por teu amor. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus   

TERCEIRA ESTAÇÃO: JESUS CAI PELA PRIMEIRA VEZ DEBAIXO DA CRUZ

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, caístes por terra, cansado e já sem forças. Eu quero ajudar os meus irmãos caídos e prostrados pelo sofrimento, já que eu não vos dei a mão na vossa queda.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Pela cruz tão oprimido, cai Jesus desfalecido, pela tua salvação. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus 

QUARTA ESTAÇÃO: JESUS ENCONTRA-SE COM SUA SANTÍSSIMA MÃE.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó coração aflito de Jesus! Ó Maria, Mãe das Dores! Aliviai as aflições dos filhos longe de sua mãe e consolai as mães separadas dos seus filhos.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). De Maria lacrimosa, Sua Mãe tão dolorosa, vê a imensa compaixão. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus 

QUINTA ESTAÇÃO: SIMÃO CIRENEU AJUDA A JESUS A LEVAR A SUA CRUZ.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, fazei-me compreender que toda a ajuda que eu dou aos meus irmãos é a vós que eu ajudo, como o Cireneu vos ajudou a carregar a Cruz.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Em extremo desmaiado, deve auxílio, tão cansado, receber do Cireneu. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus   

SEXTA ESTAÇÃO: VERÔNICA ENXUGA A FACE DE JESUS.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, que o vosso rosto ensanguentado impresso na toalha de Verónica me lembre sempre tudo o que vós sofrestes por meu amor.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). O seu rosto ensanguentado, por Verónica enxugado, eis no pano apareceu.  

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus    

SÉTIMA ESTAÇÃO: JESUS CAI, PELA SEGUNDA VEZ, DEBAIXO DA CRUZ.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Foram as minhas recaídas ó meu Jesus, que vos fizeram cair de novo em terra. Dai-me a graça de não tornar a cair em pecado para o futuro.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Outra vez desfalecido, pelas dores abatido, cai em terra o Salvador. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus 

OITAVA ESTAÇÃO: JESUS CONSOLA AS FILHAS DE JERUSALÉM.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, que predissestes a Jerusalém sua ruína e destruição, livrai-me a mim da ruína e socorrei-me com a vossa misericórdia e o vosso perdão.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Das matronas piedosas, de Sião filhas chorosas, é Jesus consolador. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus 

NONA ESTAÇÃO: JESUS CAI, PELA TERCEIRA VEZ, DEBAIXO DA CRUZ.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, pelas dores que sofrestes nesta terceira queda, dai-me a força de me levantar, todas as vezes que a fraqueza me leva a cair em pecado.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Cai terceira vez prostrado, pelo peso redobrado, dos pecados e da Cruz. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus   

DÉCIMA ESTAÇÃO: JESUS É DESPOJADO DE SUAS VESTES.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, que fostes despojado das vossas vestes e recebestes a beber fel e vinagre, fazei-me rejeitar as vaidades e prazeres ilícitos para que eu não me desvie do vosso amor.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Dos vestidos despojado, por verdugos mal tratado, eu Vos vejo, meu Jesus. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus 

DÉCIMA PRIMEIRA ESTAÇÃO: JESUS É PREGADO NA CRUZ.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, pelas dores e angústias que sofrestes na Cruz, dai-me forças para suportar as angústias, tristezas e sofrimentos da minha vida para purificar-me dos meus pecados.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Sois por mim à Cruz pregado, insultado, blasfemado, com cegueira e com furor. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus 

DÉCIMA SEGUNDA ESTAÇÃO: JESUS MORRE NA CRUZ.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, vós completastes a redenção do mundo pregado na cruz; aceitai os meus sofrimentos como ajuda para a minha redenção.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Por meus crimes padecestes, Meu Jesus por mim morrestes, como é grande a minha dor. 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus   

DÉCIMA TERCEIRA ESTAÇÃO: MARIA RECEBE JESUS MORTO, EM SEUS BRAÇOS.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó Maria, Mãe de Jesus, que recebestes nos braços o corpo do vosso Filho, concedei-me a graça de receber sempre dignamente o Corpo de Cristo, na Santa Comunhão.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). Do madeiro Vos tiraram, e nos braços Vos deixaram, de Maria. Que aflição! 

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus 

DÉCIMA QUARTA ESTAÇÃO: JESUS É DEPOSITADO NO SANTO SEPULCRO.

V. Nós vos adoramos Senhor Jesus Cristo e vos bendizemos. 

R. Porque, pela vossa Santa Cruz, remistes o mundo. 

Ó meu Jesus, que a vossa sepultura e ressurreição fortaleçam a minha fé na ressurreição dos mortos e na vida eterna.

(Pai Nosso... Ave Maria... Glória ao Pai...)

V. Bendita e louvada seja a sagrada Paixão e morte de Jesus Cristo Nosso Senhor. 

R. Que quis padecer e morrer na Cruz por nosso amor. 

(cântico). No sepulcro Vos deixaram, enterrado Vos choraram, magoado coração.  

Pela Virgem dolorosa, Vossa Mãe tão piedosa, perdoai-me, bom Jesus 

ORAÇÃO FINAL 

Pai Eterno que enviastes o vosso Filho Jesus para socorrer o mundo e ele o salvou morrendo na Cruz, fazei que, por esta Cruz e pelos sofrimentos de Cristo, a humanidade encontre sempre o auxílio e o socorro de que necessita. Ámen.

Recolha e transcrição

por António Fonseca

11 DE MARÇO DE 2011 - SEXTA-FEIRA DE CINZAS

 

11 DE MARÇO

SEXTA-FEIRA, DEPOIS DAS CINZAS

Mateus 9, 14-15

“O noivo está com eles….”

*************

A vida cristã é como uma festa de casamento. Onde o noivo está connosco. É assim a nossa relação com Deus: amor que leva à união, ternura intensa, fidelidade que gera mais vida.

Jesus é o esposo que nos ama totalmente. Nós, a Igreja, somos a esposa, chamados a responder em liberdade generosa a este amor.

»»»»»»»»»

Senhor, eu Te peço uma alegria inabalável.

Capaz de resistir à tristeza e à dor.

Sabendo que sou amado por Ti com esse amor radical, nada poderá abalar o meu sorriso

 

00000000000000000

 

edisal@edisal.salesianos.pt

www.edisal.salesianos.pt

NOTA:  Ver nota em 9-Março-2011

António Fonseca  -  www.aarfonseca@hotmail.com