OS MEUS DESEJOS PARA TODOS

RecadosOnline.com

segunda-feira, 18 de junho de 2012

1311-1312 - Pág.2 - CARTAS DE S. PAULO (2ª AOS CORÍNTIOS) – SÁBADO e DOMINGO – 9 e 10 de Junho de 2012

AVISO IMPORTANTE

Meus Amigos:

Lamentavelmente e conforme já tive oportunidade de informar no passado dia 10, o meu computador está bastante “combalido” desde 7 do corrente mês. Felizmente ainda me deu possibilidade de processar o texto referente à 1ª Página – SANTOS DE CADA DIA e de o publicar nesse dia (porque já o tinha pronto anteriormente…), mas impossibilitou-me de compor o texto da 2ª Página “CARTAS DE S. PAULO” que não pôde ser publicado. Por mero acaso, eu também tinha adiantado outros textos, IN MEMORIAN que foi publicado no sábado, dia 9 e A RELIGIÃO DE JESUS que editei no dia 10.

Entretanto com as operações técnicas que fui conseguindo efetuar, hoje consegui publicar os nomes dos Santos (alguns) que se comemoraram desde o dia 8 até hoje inclusive, embora não tivesse colocado os complementos, nem as imagens que habitualmente recolho dos sites que consulto para este efeito. Também como viram além de uma notícia diferente também consegui editar o IN MEMORIAM, de hoje.

No que se refere às Cartas de S. Paulo, estou tentando recuperar tudo conforme estabeleci de início, ou seja publicar cada capítulo por cada dia em falta, independentemente de tal poder suceder ou como fiz com os Santos de Cada Dia, tudo duma vez (embora destacados por ordem de data) ou um ou mais textos (leia-se Capítulos) no mesmo dia até ficar em ordem.

 

antoniofonseca1940@hotmail.com

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

Como disse anteriormente,  Envolvi-me nesta tarefa, pois considero ser um trabalho interessante, pois servirá para que vivamos mais intensamente a Vida de Jesus Cristo que se encontra sempre presente na nossa existência, mas em que poucos de nós (eu, inclusive) tomam verdadeira consciência da sua existência e apenas nos recordamos quando ouvimos essas palavras na celebração dominical e SOMENTE quando estamos muito atentos, porque não acontecendo assim, não fazemos a mínima ideia do que estamos ali a ouvir e daí, o desconhecimento da maior parte dos cristãos do que se deve fazer para seguir o

caminho até Ele.

Como Jesus Cristo disse, aos Apóstolos, no dia da sua Ascensão ao Céu:

IDE POR TODO O MUNDO E ENSINAI TODOS OS POVOS”.

É apenas isto que eu estou tentando fazer. AF.

+++++++++++++++++++++++

Nº 1311- 2ª Página

9 de Junho de 2012

CARTAS DE S. PAULO

S.-Paulo_thumb_thumb1_thumb_thumb_th

2ª CARTA AOS CORÍNTIOS
3ª Parte
APOLOGIA DE PAULO
12 É preciso que me glorie? Na verdade, não convém; no entanto, passarei a narrar as visões e revelações do Senhor.
Conheço um homem em Cristo que, há catorze anos – ignoro se no corpo ou fora dele, Deus o sabe –, foi arrebatado até ao terceiro Céu. E sei que esse homem – ignoro se com o corpo ou sem ele, Deus o sabe –, foi arrebatado até ao paraíso, e ouviu palavras inefáveis, que não é permitido a um homem repetir. Desse homem, gloriar-me-ei; mas de mim próprio, jamais me hei-de gloriar, a não ser das minhas fraquezas. Se me quisesse gloriar, não seria insensato, pois diria a verdade. Mas abstenho-me, para que ninguém forme de mim juízo superior ao que vê em mim, ou ouve dizer de mim.
Demais, para que a grandeza das revelações não me ensoberbeça, foi-me dado um aguilhão na carne, um anjo de Satanás, para me esbofetear e impedir que eu me orgulhe. Por três vezes pedi ao Senhor que o apartasse de mim. Mas Ele disse-me: «Basta-te a Minha graça, porque é na fraqueza que a Minha força se revela totalmente». Portanto, prefiro gloriar-me das minhas fraquezas, para que habite em mim a força de Cristo. Alegro-me nas minhas fraquezas, nas afrontas, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por Cristo, pois quando me sinto fraco, então é que sou forte.

Tornei-me insensato; vós é que me forçastes a isso. De facto, eu devia ser recomendado por vós, visto que em nada fui inferior a esses eminentes apóstolos, se bem que nada sou. Os sinais distintivos do Apóstolo, verificaram-se entre vós, por uma paciência a toda a prova, por sinais, prodígios e milagres. Em que fostes, na verdade, inferiores às outras Igrejas a não ser que, pessoalmente vos fui pesado? Perdoai-me esta injustiça.

A próxima visita do Apóstolo a Corinto – Eis que estou pronto a ir ter convosco pela terceira vez. Não me tornarei pesado, porque não pretendo os vossos bens, mas a vós mesmos. Porque não são os filhos que devem entesourar para os pais, mas os pais para os filhos.

Quanto a mim, de muito boa vontade, darei o que é meu e dar-vos-ei a mim mesmo pelas vossas almas. Será que, por vos ter mais amor, sou menos amado.

Mas seja! Não vos fui pessoalmente pesado. Todavia, astuto como sou, apanhei-vos por embuste. Ter-vos-ia eu defraudado por algum daqueles que vos enviei? Insisti com Tito e enviei com ele o outro irmão. Será que Tito vos tenha defraudado? Não andámos segundo o mesmo espírito? Não seguimos as mesmas pisadas?

Imaginais há muito que nos justificámos diante de vós. Perante Deus, em Cristo, é que nós falámos; e é tudo, meus amados, para vossa edificação. Temo que, quando chegar, não vos encontre tais como desejo, e que vós não me encontreis tal como desejais. Temo encontrar entre vós contendas, invejas, rixas, dissensões, detrações, murmurações,. pretensões e desordens. Temo que, ao visitar-vos de novo, Deus me humilhe ainda a vosso respeito e tenha de chorar por muitos daqueles que pecaram e se não arrependeram da impureza, imoralidade e lascívia, a que se tinham entregado.

*************************************************************************************

Nº 1312- 2ª Página

10 de Junho de 2012

CARTAS DE S. PAULO

S.-Paulo_thumb_thumb1_thumb_thumb_th

2ª CARTA AOS CORÍNTIOS
3ª Parte
APOLOGIA DE PAULO

13  -  É esta a terceira vez que vou ter convosco. Pela palavra de duas ou três testemunhas se resolverá qualquer assunto. Já o disse, quando da minha segunda visita, àqueles que anteriormente pecaram e a todos os outros, e repito-o agora, estando ausente; Se eu voltar, não pouparei os que pecaram, visto que procurais uma prova de que Cristo fala em mim, Ele que não é fraco para convosco, mas exerce o Seu poder entre nós.

De facto, Ele foi crucificado pela Sua fraqueza, mas vive pelo poder de Deus. Também nós somos fracos n’Ele, mas viveremos com Ele, pelo poder de Deus, para atuar entre vós.

Examinai-vos a vós próprios, para ver se permaneceis na fé. Provai-vos a vós mesmos. Não reconheceis, porventura, que Jesus Cristo está em vós? A não ser que a prova vos seja desfavorável. Mas espero que reconheçais que nós não estamos reprovados. Entretanto, rogamos a Deus que não pratiqueis nenhum mal, não para que pareçamos aprovados, mas para que vós façais o bem embora nós sejamos tidos como reprovados. Nada podemos contra a verdade, mas só a favor da verdade. Alegramo-nos quando somos fracos, e vós sois fortes. O que pedimos nas nossas orações é o vosso aperfeiçoamento. Por isso, estando ausente, vos escrevo estas coisas, para que, estando presente, não tenha de usar de rigor segundo a autoridade que o Senhor me concedeu para edificar e não para destruir.

Conclusão  -  Quanto ao resto, irmãos, sede alegres, trabalhai na vossa perfeição, confortai-vos, tende um mesmo sentir, vivem em paz. E o  Deus do amor e da paz estará convosco. Saudai-vos mutuamente com um santo ósculo. Saúdam-vos todos os santos.

A graça do Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus e a comunicação do Espírito Santo sejam com todos nós.

*************************************************************

 

Post colocado em 18 de Junho de 2012 – 19,30 horas

 

ANTÓNIO FONSECA

 

Prosseguirei esta tarefa, amanhã se Deus quiser, já com a CARTA AOS GÁLATAS nº 3.  AF