OS MEUS DESEJOS PARA TODOS

RecadosOnline.com

quarta-feira, 17 de abril de 2013

O governo francês não recua, nem o povo - 17 de Abril de 2013

O governo francês não recua, nem o povo

Posted: 16 Apr 2013 07:30 PM PDT

O governo francês segue obstinado em aprovar e aplicar o projeto de lei que legaliza o "casamento gay". Para entendermos um pouco mais sobre a lei, ela abre espaço para a procriação assistida de homossexuais, elimina os termos pai e mãe e os substitui por parente 1 e parente 2, proíbe que crianças nascidas de forma assistida saibam quem são seus verdadeiros pais, abre as portas para a barriga de aluguel, institui o crime de "homofobia" e abre o caminho para a poligamia, o incesto e a pedofilia, pois, afinal, o direito passa a se fundamentar sobre a vontade do indivíduo. O objetivo dos lobbys gays é só um: destruir a família, e isso tem ficado claro nas "manifestações" que eles tem realizado nas redes sociais. Hoje, em Saint-Etienne, gays separaram crianças de seus pais durante as manifestações e as atacaram com garrafas. Ontem, um ativista gay publicou uma foto todo orgulhoso, clamando a morte de uma das líderes do movimento em defesa da família.

K

Quanto mais obstinado Holande se mostra, mais as manifestações se tornam maiores e mais barulhentas. Hoje e ontem houve manifestações em Paris, Caen, Lyon, Blois, Versailles, Tours, Vannes, Compiège, Bourg-en-Bresse, Orléans, Bourges, Vernon e em diversas cidades menores. Houve carreatas e ministros foram "acolhidos" em Montpellier. 

Paris

Manifestation à Paris 16/04 suite por Le_Salon_Beige
Manifestation à Paris 16/04 suite 2 por Le_Salon_Beige

5

D

37

39

Versailles

Manifestation à versailles por Le_Salon_Beige

30

21

15

6

V

Lyon

Lyon1
Bourges

_MG_9279
_MG_9210
Orléans

IMG_0920

Compiège

Vannes

009

Tours

Tours

Fonte: Le Salon Beige, LMPT, Nouvelles de France, Riposte Catholique e Famille Chrétienne.

Post em 17-4-13  -  15H15

 

ANTÓNIO FONSECA

Nº 1623-3 - Encontro diário com Deus - 17 de Abril de 2013

Encontro diário com Deus
Nº 1623-3
Quarta-feira - 17 de Abril de 2013
Do livro – Encontro diário com Deus - Editora Vozes – Petrópolis - http://www.vozes.com.br
Pensamento do Dia
A fortuna é como o vidro; tem, como ele, o brilho e a fragilidade

Públio Siro
_________________________________________________________


O amor verdadeiro não está rebaixado, pode ser também muito exigente.
Opõe resistência ao mal, para levar o ser humano ao verdadeiro bem.
Se nos convertemos em uma só coisa com Cristo, aprendemos a reconhecê-lo nos que sofrem, nos pobres, nos pequenos deste mundo.


Papa Bento XVI

_______________________________________________________________________________
NOTA:
Este livro foi adquirido em 11-2-2013 por mim, e, apesar de:
Todos os direitos reservados.
Julgo não estar a utilizar abusivamente parte dos textos ali publicados, para os editar diariamente no meu blog.
Se, no entanto, a Editora entender que não os devo publicar, agradeço que me informem de imediato, através do meu endereço:
http://confernciavicentinadesopaulo.bloghspot.com – Blogue SÃO PAULO (e Vida

Nº 1623 - 2ª Página - O ANTIGO TESTAMENTO - JOSUÉ (19) - 17 de Abril de 2013

17 de Abril de 2013
Nº 1623 - 2ª Página
antoniofonseca1940@hotmail.com
2013

250px-12_staemme_israels_cs_thumb1_t

Distribuição das Tribos em ISRAEL

Nº 1623

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»
Caros Amigos:
Ver por favor a edição de, 12 de Novembro, deste Blogue.

Resolvi simplesmente começar a editar o ANTIGO TESTAMENTO que é composto pelos seguintes livros:
GÉNESIS, ÊXODO, LEVÍTICO, NÚMEROS, DEUTERONÔMIO, constantes do PENTATEUCO (Estes já estão…)
– Faltam apenas 885 páginas…(mais ou menos) - Sejamos optimistas.
JOSUÉ, JUÍZES, RUTE, 1º E 2º de SAMUEL, 1º e 2º Reis, (2) CRÓNICAS (paralipómenos), ESDRAS, NEEMIAS, TOBIAS, JUDITE, ESTER, 1º E 2. MACABEUS (Livros históricos); JOB, SALMOS, PROVÉRBIOS, ECLESIASTES, CÂNTICO DOS CÂNTICOS, SABEDORIA, ECLESIÁSTICO (Livros Sapienciais ); ISAÍAS, JEREMIAS, JEREMIAS – Lamentações, BARUC, EZEQUIEL, DANIEL, OSEIAS, JOEL, AMÓS, ABDIAS, JONAS, MIQUEIAS, NAUM, HABACUC, SOFONIAS, AGEU, ZACARIAS e MALAQUIAS (Profetas).
SÃO APENAS POUCO MAIS DE 40 LIVROS = 1260 PÁGINAS … (coisa pouca…)
Poderei porventura dar conta do recado? Se calhar, não!
Só Deus o sabe e decerto providenciará o que lhe aprouver!
SEI: que é uma tarefa ciclópica, impossível., etc., para os meus 73 anos (*) . Desconheço se conseguirei executar esta tarefa e sei os limites que poderão antepor-se-me, mas CREIO EM DEUS TODO-PODEROSO que não me desamparará em ocasião alguma.
Com Fé e perseverança tudo se consegue e portanto irei até onde Deus me permitir, rezando todos os dias para que eu possa Evangelizar com os meios que tenho à disposição, durante o tempo que Deus Nosso Senhor Jesus Cristo entender.
Se o conseguir, darei muitas Graças a Deus
»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

Como afirmei inicialmente, Envolvi-me nesta tarefa, pois considero ser um trabalho interessante, pois servirá para que vivamos mais intensamente a Vida de Jesus Cristo que se encontra sempre presente na nossa existência, mas em que poucos de nós (eu, inclusive) tomam verdadeira consciência da sua existência e apenas nos recordamos quando ouvimos essas palavras na celebração dominical e SOMENTE quando estamos muito atentos,o que se calhar, é raro, porque não acontecendo assim, não fazemos a mínima ideia do que estamos ali a ouvir e daí, o desconhecimento da maior parte dos cristãos do que se deve fazer para seguir o caminho até Ele.
Como Jesus Cristo disse, aos Apóstolos, no dia da sua Ascensão ao Céu:
IDE POR TODO O MUNDO E ENSINAI TODOS OS POVOS”.

É apenas isto que eu estou tentando fazer. AF.
+++++++++++++++++++++++

Nº 1623 - 2ª Página

17 de Abril de 2013

ANTIGO TESTAMENTO

JOSUÉ
400px-1759_map_Holy_Land_and_12_Trib[2]

Mapa antigo de Israel

JOSUÉ

Conquista da Terra da Promissão

19 – AS TERRAS DE SIMEÃO – A sorte coube, depois, a Simeão, segundo as suas famílias. A sua herança estava situada no meio da herança dos filhos de Judá. A sua herança foi: Bersabeia, Sabé, Molada,   Paser-Sual, Bala-Asen, Eltolad, Betul, Horma, Siceleg, Bet-Marcabot, Hasersura, Bet-Lebaot e Saroen; ao todo, treze cidades com as suas aldeias. Ain, Remon, Atar e Asan; ao todo, quatro cidades com as suas aldeias, assim como todos os lugares dos arredores desta cidade até Baalat-Beer, que é Ramat do Sul. Esta foi a parte que coube aos filhos de Simeão, segundo as suas famílias (1 Par 4, 28-33). A herança dos filhos de Simeão foi tomada da herança dos filhos de Judá, demasiado grande para eles; por isso, os filhos de Simeão, receberam a sua herança no meio do seu território (Gn 49, 5; 1 Par 4, 28-33).

A parte de Zabulão  - A terceira  parte coube em sorte aos filhos de Zabulão, segundo as suas famílias: a fronteira da sua herança estendia-se até Sarid. Subia para o ocidente, até Merala, e chegava até Debaset, tocando a torrente que corre defronte de Jeconam (Gn 5, 49,13). De Sarid voltava ao oriente para o nascente até aos confins de Celeset-Tabor, passava por Daberet e subia a Jafiá.  Dali passava pelo lado oriental até Get-Pefer e Tascasin, e chegava a Remon, que confina com o Noa. Dava volta pelo  norte até Hanaton, e terminava no vale  de Jeftabel. Havia ainda Catet, Naalol, Semeron, Jedala e Bet-Leem; ao todo, doze cidades com as suas aldeias. Esta foi a parte de Zabulão, segundo as suas famílias, com as suas cidades e as suas aldeias. (Jz 1, 30; Gn 49, 13; Dt 33, 18).

A tribo de Issacar  - A quarta parte coube em sorte a Issacar, ou seja, aos filhos de Issacar, segundo as suas famílias. O seu território era: Jezrael, Casalot, Sunem, Hafaraim, Seon, Annarat, Rabot, Cesion, Abés, Ramet, En-Gamin, En-Hada e Bet-Feses. A fronteira  tocava no Tabor, Seesina e Bet-Sames e estendia-se até ao Jordão; ao todo, dezasseis cidades com as suas aldeias. Esta foi a herança de os filhos de Issacar segundo as suas famílias, com as suas cidades e as suas aldeias.

A tribo de Aser  - A quinta parte coube em sorte à tribo dos filhos de Aser, segundo as suas famílias. O seu território foi: Halcat, Cali, Beten, Axaf, Elmelec, Amaad, e Messal: a fronteira tocava o Carmelo ao ocidente, e Sior-Labanat; voltava, depois ao oriente, para Bet-Dagon, tocava em Zabulão e no vale de Jeftael, ao norte de Bet-Emec e de Neiel, e estendia-se à esquerda até Cabul, Abran, Roob, Amon e Cana, até Sidónia, a Grande. Voltava depois, para Ramah até à fortaleza de Tiro; seguia para Hosa, para terminar no mar, pelo distrito de Acziba. Além disso, Ama, Afec e Roob, ao todo, vinte e duas cidades com as suas aldeias. Esta foi a herança da tribo  dos filhos de Aser, segundo as suas famílias, com as suas cidades e as suas aldeias (Jz 1, 31-32; Gn 49, 20; Dt 33, 24).

 

A tribo de Neftali  - A sexta parte caiu em sorte aos filhos de Neftali, segundo as suas famílias. A sua  fronteira ia de Helef, desde o carvalhal de Saananim, passando por Adami-Neceb e Jebnael, até Lecum, terminando no Jordão, voltava para o ocidente até Azot-Tabor e dali seguia para Hucuca. Ao sul, tocava em Zabulão, ao ocidente em Aser, ao oriente em Judá, perto do Jordão. As suas cidades fortes eram: Assedim, Ser, Emat, Recat, Ceneneret, Edema, Arama, Asor, Cedes. Edrai. En-Hasor, Jeron, Magdalel, Horem, Bet-Anat e Bet-Sames; ao todo, dezanove cidades com as suas aldeias. Esta foi a herança da tribo dos filhos de Neftali, segundo as suas famílias, com as suas cidades e as suas aldeias (Jz 1, 33; Gn 49, 21; Dt. 33, 23).

 

A tribo de Dan  - A sétima parte caiu em sorte à tribo dos nove filhos de Dan, segundo as suas famílias. O território da sua herança compreendia Saraa, Estaol, Hir-Semes, Selebin, Ajalon, Jetela, Elon, Temna, Acron, Eltece, Gebeton, Balaat, Jud, Bene-Barac, Get-Remon, Me-Jarcon e Arecon com o território frente a Joppe. O território dos filhos de Dan estendia-se para além dos seus limites, pois, tendo eles combatido Lesen, tomaram-na e passaram-na ao fio da espada. Apossando-se dela, habitaram-na e chamaram-lhe Dan, nome de seu pai. Esta foi a herança da tribo dos filhos de Dan, segundo as suas famílias, com  as suas cidades e as suas aldeias (Gn 49, 16 s;Dt 23, 22). Terminada a distribuição da terra segundo os seus limites, os filhos de Israel deram a Josué, filho de Nun, uma herança no meio deles. Por ordem do Senhor, deram-lhe a cidade que ele pediu, Tamnat-Saré, na montanha de Efraim. Josué reedificou a cidade e habitou nela. Estas foram as heranças que o sacerdote Eleazar, Josué, filho de Nun e os chefes da família das tribo dos filhos de Israel repartiram por sortes em Silo, na presença do Senhor, à entrada da tenda da reunião.

 

 

 

Os Dez Mandamentos

Inicia-se hoje - (30-Março-2013) a descrição do texto de JOSUÉ,

que decorre com a Conquista da Terra de Promissão

Textos do LivroJOSUÉdo ANTIGO TESTAMENTO
0000000000000000000000000000000000000000000000000000000
17 de ABRIL de 2013 – 10.15 h
ANTÓNIO FONSECA
7map-1195aeac0b2f22222222222222222[2],
http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf
000000000000000000000000000000
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Nº 1623-1 - (106-13) - SANTOS DE CADA DIA - Quarta-feira - 17 de Abril de 2013 - 5º ano

Ver Notas no final
Nº 1623 - (106-13) – 1ª Página


Quarta-feira - 17 de Abril de 2013

ImageProxyCAHML22Y_thumb1_thumb_thum


Nº 1623-1 - (106-13)


Imagem3189_thumb1_thumb_thumb_thumb_[1]IAmPosters_thumb122222222222222


»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»



E U S O U



AQUELE QUE SOU

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»«««««««««««««««««««««««««««««««««


##################################### #####################################

ANICETO, Santo
Papa, mártir (166)
Aniceto, segundo o Liber Pontificalis, nasceu na Síria e foi papa depois de São Pio, entre 154 e 165. Durante este pontificado, encontramos em Roma numerosos orientais ilustres, como São Justino, Taciano e Hegesipo. Todos acorreram a Roma como a centro da unidade cristã.
 
Hegesipo diz-nos expressamente que foi a Roma para beber, na sua fonte mesma, a pureza da doutrina apostólica.
 
O mais célebre de todos os orientais chegados a Roma nesta época foi São Policarpo, bispo de Esmirna e discípulo imediato de São João Apóstolo. Na sua velhice empreendeu tão longa viagem para tratar com o sucessor de São Pedro diversos assuntos relacionados com a fé e os costumes cristãos. Sobre a data em que devia celebrar-se a Páscoa não conseguiram entender-se. São Policarpo defendia, apoiado na prática do Oriente e no magistério de São João, que devia ser a 14 da lua de Março. Santo Aniceto, pelo contrário, seguindo a tradição de Roma e da África, e alegando o exemplo de São Pedro, estava pelo domingo a seguir à lua cheia da primavera.
 
Esta divergência de critério não entibiou o amor mútuo que ambos professavam. O Papa ofereceu a São Policarpo presidir à celebração da liturgia eucarística na sua própria igreja, os dois despediram-se com lágrimas nos olhos e derem  entre si o beijo da paz. A afluência de tantos orientais em Roma mostra-se o prestigio da sua Cátedra no meio da Igreja Universal, pois todos reconheciam nos bispos de Roma os sucessores do Príncipe dos Apóstolos.
 
Os hereges também tomavam Roma como centro das suas propagandas . Aqui vieram o gnóstico Valentim, Marcelino e o heresiarca Marcião. Santo Ireneu narra-nos o trabalho de São Policarpo com estas ovelhas desgarradas enquanto este estava em Roma; muitas voltaram ao redil do Bom  Pastor graças ao seu zelo e prudência. O mesmo Ireneu conta o seguinte episódio sobre o encontro de São Policarpo com Marcião, que formou uma Igreja à parte. Este, encontrando-se com São Policarpo, saudou-o com estas palavras: “Não me conheces? – Sim, respondeu o Santo Bispo de Esmirna, conheço o primogênito de Satanás”. E não quis conversar com este inimigo da verdade, que tantas almas ia levando para o inferno.
 
O Liber Pontificalis atribui a Santo Aniceto um decreto proibindo aos clérigos usar cabelo comprido. Provavelmente trata-se da atribuição duma lei historicamente posterior.
 
Em geral, julga-se que Santo Aniceto foi mártir. Morreu um mês depois do imperador Antonino Pio. Ao luto universal que provocou a morte deste Imperador somaram-se os gritos de ódio e vingança contra os cristãos, tidos como ímpios e ateus, cuja vida sacrílega excitava a ira dos deuses. Santo Aniceto foi sacrificado ao furor do povo. O corpo recebeu sepultura no Vaticano, mas foi trasladado mais tarde para a cripta papal de São Calisto.
 
 

MARIA ANA DE JESUS, Beata

Virgem (1565-1624)
Maria Ana, nascida em Madrid em 1565, teve como pai Luís Navarra de Guevara e como mãe Joana Romero. Consagrou-se a Deus desde a mais tenra idade e teve de resistir às instâncias do pai que desejava que ela se casasse. Teve mesmo de suportar maus tratos da parte dele e da mulher a quem tomara como segunda esposa. Manteve-se porém inamovível no seu generoso propósito. Para escapar a injustos rigores, procurava entrar num mosteiro, mas encontrava em toda a parte recusa, com temor do ressentimento vindo da própria família. Obrigada a manter-se na casa paterna, passou lá uma vida de retiro e de rigorosas austeridades. Deus encheu-a, porém, de favores extraordinários. Por fim, com a idade de 42 anos, obteve do pai licença para entrar na Ordem de Nossa Senhora das Mercês, nela recebeu o hábito, com o nome de Maria Ana de Jesus.

Em 1614, pronunciou os votos solenes de religião, ao mesmo tempo que uma santa jovem tomou o nome de Maria de Jesus. As duas formaram o núcleo dum novo instituto que tomou o nome de religiosas descalças da Nossa Senhora das Mercês. Maria Ana, que visitava muitas vezes a rainha, edificava a corte inteira com a sua modéstia. Às três classes de desafortunados – pecadores, almas do purgatório e cristãos cativos na África – aplicava todas as suas orações e mortificações. Atacada por uma doença que lhe exercitava a paciência e a submissão à vontade de Deus, morreu a 17 de Abril de 1624.

Milagres realizados no seu túmulo levaram a que fosse beatificada por Pio VI em 1783.

 

CATARINA TEKAKWITHA, Beata

Virgem (1656-1680)

Eis como João Paulo II descreveu a vida desta bem-aventurada no rito da beatificação, a 22 de Junho de 1980:

«Catarina Tekakwitha, o “Lírio dos Mohawks”, a donzela iroquesa, que na América do Norte do século XVII foi a primeira a renovar as maravilhas de santidade de Santa Escolástica, Santa Gertrudes, Santa Catarina de Sena, Santa Ângela Merici e Santa Rosa de Lima, precedendo no sofrimento do Amor, a sua grande irmã espiritual, Teresa do Menino Jesus.

Gastou a sua curta vida, em parte, na região que agora é o Estado de Nova Iorque e, em parte, no Canadá. É amável, gentil e diligente pessoa, empregando o tempo a trabalhar, rezar e a meditar. Na idade de 20 anos recebe o Batismo. Mesmo quando seguia a sua tribo nas estações da caça, continua as suas devoções, diante de uma rugosa cruz talhada por ela mesma na floresta.

Quando a família insiste para que se case, ela responde muito serena e calmamente que tem Jesus como único Esposo. Esta decisão , atendendo às condições sociais das mulheres nas tribos índias daquele tempo, expõe Catarina ao risco de viver como fora da casta e na pobreza. É gesto corajoso, desusado e profético; a 25 de Março de 1679, com a idade de 23 anos, consentindo o seu diretor espiritual, Catarina fez voto de perpétua virgindade. Quanto sabemos, é a primeira vez que tal voto é feito entre Índios da América do Norte.

Os últimos meses da sua vida são ainda mais pura manifestação da fé sólida, decidida humildade, calma resignação e radiante alegria, embora no meio de terríveis sofrimentos. As suas últimas palavras, simples e sublimes, sussurradas no momento da morte, resumem, como nobre hino, uma vida da mais pura caridade: “Jesus, eu amo-vos…”

L’OSS. ROM. 29.6.1980

 

00000000000000000000000000000000000000000000000

=======================================


  • Nossa Senhora de Fátima, pediu aos Pastorinhos:
  • “REZEM O TERÇO TODOS OS DIAS”



  • aos-ps-de-mARIA22222222222222
  • /////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
  • NOTA:
  • Como decerto hão-de ter reparado, são visíveis algumas mudanças na apresentação deste blogue (que vão continuar… embora não pretenda eu que seja um modelo a seguir, mas sim apenas a descrição melhorada daquilo que eu for pensando dia a dia para tentar modificar para melhor, este blogue). Não tenho a pretensão de ser um “Fautor de ideias” nem sequer penso ser melhor do que outras pessoas. Mas acho que não fica mal, cada um de nós, dar um pouco de si, todos os dias, para tentar deixar o mundo um pouco melhor do que o encontramos, quando nascemos e começamos depois a tomar consciência do que nos rodeia. No fim de contas, como todos sabemos, esta vida é uma passagem, e se Deus nos entregou o talento para o fazer frutificar e não para o guardar ou desbaratar, a forma que encontrei no “talento” de que usufruo, é tentar fazer o melhor que posso, aliás conforme diz o Evangelho.


    A PARTIR DE HOJE AS PÁGINAS SERÃO NUMERADAS PELA ORDEM ABAIXO INDICADA:

    Pág. 1Vidas de Santos; Pág. 2O Antigo Testamento; e Pág. 3ENCONTRO DIÁRIO COM DEUS - Além disso, semanalmente (ao Domingo e alguns dias santificados – quando for caso disso –) a Pág. 4A Religião de Jesus; e a Pág. 5 - Salmos) e, ainda, ao sábado, a Pág. 6In Memoriam.
  • Para terminar, APELO NOVAMENTE aos meus eventuais leitores se manifestem, sobre o merecimento OU NÃO deste Blogue ou dos textos que venho colocando diariamente bastando para tal marcar o quadrado que entendam, que segue sempre abaixo de cada publicação, como aliás eu faço, relativamente aos blogues que vou vendo sempre que me é possível, com o que ficaria muito grato.


    António Fonseca

    0000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000
  • 00000000000000000000000000000000000000000000000000000000

    Localização geográfica da sede deste Blogue, no Porto
    Viso---mapa22222222222222
    http://confernciavicentinadesopaulo.blogspot.com
    ===================================
    0000000000000000000000000000000000000000000000
    $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$


    «««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»