OS MEUS DESEJOS PARA TODOS

RecadosOnline.com

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Nº 1912 2ª PÁGINA - O ANTIGO TESTAMENTO - 1º LIVRO DOS MACABEUS - (3) - 29 de Janeiro de 2014

 

Desejo chamar a vossa atenção para o texto que escrevi na 1ª página “SANTOS DE CADA DIA” sobre a suspensão e o reinicio dos mesmo, desde 16 de Dezembro de 2013. Obrigado.

O ANTIGO TESTAMENTO

29 de Janeiro de 2014

Nº 1912  -  2ª PÁGINA

antoniofonseca1940@hotmail.com
2014

miscelania 124

Mapa da Distribuição das Tribos em ISRAEL

Nº 1912

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

Caros Amigos:

Conforme poderão verificar, se o desejarem, poderão consultar a edição deste Blogue, de 12 de Novembro de 2012, na qual iniciei  - diariamente – a transcrição dos textos descritos na Bíblia Sagrada – por Capítulos (e livros).

Simplesmente resolvi, de repente, começar a editar todo o texto do

ANTIGO TESTAMENTO

que, como é sabido - é composto por uma série de vários livros:

Os primeiros considerados como LIVROS HISTÓRICOS, os quais vão desde o Pentateuco (atribuído a Moisés),que compreende o Génesis, o Êxodo, o Levítico, os Números e o Deuteronómio, e a seguir, Josué, Juízes, Rute, Livros dos Reis (2) que se completam com os 2 livros dos Paralipómenos ou Crónicas. Seguem-se depois Esdras e Neemias, Tobias, Judite, Ester e o Livro dos Macabeus.

Seguem-se os LIVROS DIDÁCTICOS com os livros de Job, Livro dos Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Cântico dos Cânticos, Sabedoria e Eclesiástico;

e por fim os LIVROS PROFÉTICOS: Isaías, Jeremias, Baruc, Ezequiel, Daniel, Oseias, Joel, Amós, Abdias, Jonas, Miqueias, Naum, Habacuc, Sofonias, Ageu, Zacarias e Malaquias.

São pois 42 o número total dos livros sobre o Antigo Testamento que tenciono transcrever

até que Deus mo permita, evidentemente…

Para já – neste momento já consegui transcrever os capítulos referentes aos livros

GÉNESIS, ÊXODO, LEVÍTICO, NÚMEROS, DEUTERONÓMIO, constantes do PENTATEUCO, JOSUÉ, JUÍZES, RUTE, 1º e 2º de SAMUEL, 1º Reis e 2º Reis, 1º e 2º dos Paralipómenos ou Crónicas, ESDRAS, NEEMIAS, TOBIAS, JUDITE, ESTER,

(Uff... É obra…)

num total de 410 páginas, ficando a faltar apenas 680 capítulos…!!! (mais ou menos) referentes aos restantes, que são apenas os:

1º E 2. MACABEUS (Livros históricos); JOB, SALMOS, PROVÉRBIOS, ECLESIASTES, CÂNTICO DOS CÂNTICOS, SABEDORIA, ECLESIÁSTICO (Livros Sapienciais ); ISAÍAS, JEREMIAS, JEREMIAS – Lamentações, BARUC, EZEQUIEL, DANIEL, OSEIAS, JOEL, AMÓS, ABDIAS, JONAS, MIQUEIAS, NAUM, HABACUC, SOFONIAS, AGEU, ZACARIAS e MALAQUIAS (Profetas).

- Sejamos optimistas –.

Ainda agora é de manhã e alguns dos amigos que conheci há mais de 60 anos, já atingiram os 90 ou quase 100 (dois pelo menos) e ainda estão aí para as curvas. Ora, eu ainda só tenho 73 e se Deus quiser hei-de também chegar a uma idade razoável.

!!!SÃO APENAS POUCO MAIS DE 40 LIVROS = 1260 PÁGINAS …!!! (coisa pouca…)

Poderei porventura dar conta do recado? Se calhar, não!

Deus o sabe e decerto providenciará o que lhe aprouver!

Sei, no entanto que se poderá dizer:

trata-se de uma

tarefa ciclópica, impossível., etc., para os meus 73 anos (*).

e, SE CALHAR, É…

Desconheço se conseguirei executar esta tarefa e sei os limites que poderão antepor-se-me, mas CREIO EM DEUS TODO-PODEROSO que não me desamparará em ocasião alguma. Com Fé e perseverança tudo se consegue e portanto irei até onde Deus me permitir, rezando todos os dias para que eu possa Evangelizar com os meios que tenho à disposição, durante o tempo que Deus Nosso Senhor Jesus Cristo entender.

Se no entanto, o vier a conseguir, darei muitas Graças a Deus.

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

Como afirmei inicialmente, Envolvi-me nesta tarefa, pois considero ser um trabalho interessante, pois servirá para que vivamos mais intensamente a Vida de Jesus Cristo que se encontra sempre presente na nossa existência, mas em que poucos de nós (eu, inclusive) tomam verdadeira consciência da sua existência e apenas nos recordamos quando ouvimos essas palavras na celebração dominical e SOMENTE quando estamos muito atentos,o que se calhar, é raro, porque não acontecendo assim, não fazemos a mínima ideia do que estamos ali a ouvir e daí, o desconhecimento da maior parte dos cristãos do que se deve fazer para seguir o caminho até Ele.

Como Jesus Cristo disse, aos Apóstolos,

no dia da sua Ascensão ao Céu:

IDE POR TODO O MUNDO E ENSINAI

TODOS OS POVOS”.

É apenas isto realmente, que eu estou tentando fazer. AF.

+++++++++++++++++++++++

Império Selêucida

Império Selêucida (cor amarela)

Mos à obra, pois, continuemos:

ANTIGO TESTAMENTO

1º Livro dos MACABEUS

Reino Asmoneu - Simão

Reino dos Asmoneus

1º Livro dos MACABEUS

3  -  JUDAS MACABEU

Matatias pai de Judas Macabeu

Matatias, pai de JUDAS MACABEU

3  -  JUDAS MACABEU

Sucedeu-lhe o seu filho JUDAS, chamado Macabeu. Auxiliaram-no todos os seus irmãos e todos os que se tinham unido ao seu pai, e combatiam alegremente pela defesa de Israel. Dilatou a glória do povo, vestiu a couraça como um gigante, cingiu as suas armas de guerra e travou combates, protegendo o seu exército com a sua espada. Assemelhava-se nas acções a um leão, e parecia um  leãozinho que ruge sobre a presa. Perseguia e procurava com astúcia os traidores e lançava às chamas os que perseguiam o seu povo. Os maus recuavam diante dele, transidos de medo, tremiam os iníquos e a salvação do povo firmava-se nas suas mãos. Deu que fazer a muitos reis e foi a alegria de Jacob. A sua memória será eternamente bendita. Percorreu as cidades de Judá e expulsou delas os malfeitores, desviando assim  Israel da cólera divina. O seu nome chegou até às extremidades da terra, e reuniu ao seu redor aqueles que estavam a ponto de perecer.

As primeiras vitórias – Acontece que Apolónio (2 Mac 5, 24) convocou os gentios e, de Samaria, partiu com um grande exército para pelejar contra Israel. Judas soube-o e saiu ao seu encontro, venceu-o e matou-o; muitos tombaram no campo de batalha e os restantes fugiram. Apoderou-se dos seus despojos e da espada de Apolónio , da qual se serviu sempre nos combates. Seron, general do exército sírio, soube que Judas juntara muitos soldados fiéis, que combatiam ao seu lado. E disse: «Tornar-me-ei célebre e cobrir-me-ei de glória no reino, vencendo Judas e os seus correligionários, que desprezam as ordens reais». E preparou-se para a guerra. Aliou-se-lhe um poderoso exército de ímpios, para se vingar dos filhos de Israel. Avançaram até à muralha de Betoron. Judas, acompanhado de poucos homens, saiu-lhe ao encontro. Mal viram o exército que vinha contra eles, os companheiros disseram a Judas: «Como poderemos enfrentar tamanho exército, se somos tão poucos  e nos sentimos debilitados  pelo jejum de hoje?» Mas Judas respondeu-lhes: «É fácil entregar uma multidão nas mãos de poucos: fazer-se respeitado a muitos; para o Deus do céu não há diferença entre a salvação de uma multidão e de um punhado de homens, porque a vitória no combate não depende do número, mas da força que vem do céu. Esta gente vem contra nós, com impiedade para nos aniquilar juntamente com as nossas mulheres e os nosso filhos e nos saquear, nós, porém lutamos pelas  nossas vidas e pelas nossas leis. O próprio Deus esmagá-los-à aos nossos olhos. Não tenhais medo deles». E logo que acabou de falar, cheio de decisão, Judas acometeu os inimigos e derrotou completamente Seron e o seu exército. Judas perseguiu-os pela descida de Betoron até à planície. Morreram oitocentos sírios e os restantes fugiram para a terra dos filisteus. Com isto, o terror a Judas e aos seus irmãos espalhou-se por todos os povos vizinhos. As sua fama chegou aos ouvidos do rei, e em todas as nações se falava das batalhas de Judas.

Antíoco prepara novos combates  -  O rei Antíoco, ao ter notícia destes acontecimentos, encolerizou-se e reuniu todas as forças do reino, formando um exército poderosíssimo. Abriu os seus tesouros e deu ao exército o soldo de um ano, ordenando que estivessem prontos para qualquer eventualidade. Mas, ao ver que os seus tesouros tinham  ficado sem dinheiro e que os tributos do país eram deficientes pelas dissensões e calamidades que ele provocara sobre a terra, suprimindo as leis em vigor, desde tempos antigos, receou não poder mais gastar nem dar, como antes fazia, com liberalidade e munificência superior a todos os reis, seus predecessores.

Profundamente consternado resolveu ir à Pérsia cobrar os tributos dessas regiões e ajuntar muito dinheiro. Deixou Lísias, homem ilustre e de linhagem real, à frente dos negócios do reino, desde o Eufrates às fronteiras do Egipto, com o encargo de velar até à sua volta, pelo seu filho Antíoco. Pôs à sua disposição metade do exército do reino, e os elefantes, e deu-lhe instruções referentes à execução dos seus planos, especialmente os referentes aos habitantes  da Judeia e de Jerusalém. Devia enviar contra eles um exército, para destruir e aniquilar o poderio de Israel e os restos de Jerusalém, até apagar da terra a sua memória, e instalar os estrangeiros em todos os seus confins, distribuindo-lhes a terra, por sortes. O rei levou consigo a outra metade do exército. Partiu de Antioquia, capital do seu reino, pelo ano cento e quarenta e sete, passou o Eufrates e atravessou as regiões superiores. Lísias escolheu Ptolomeu (2 Mac 8, 8), filho de Dorímino, Nicanor e Górgias (2 Mac 10, 14; 12, 32), valorosos generais  e familiares do rei, e enviou com eles quarenta mil homens e sete mil cavaleiros para invadir e devastar o país de Judá, conforme a ordem do rei. Puseram-se a caminho com todas as suas tropas, e acamparam na planície de Emaús. Quando os mercadores da região ouviram a notícia da sua chegada, tomaram consigo muita prata, ouro e servos, e dirigiram-se ao acampamento para comprar os filhos de Israel, como escravos. Forças,procedentes da Idumeia e do país dos filisteus, vieram juntar-se a eles. Judas e os seus irmãos viram que a situação era grave e que as forças inimigas acampavam dentro das suas fronteiras. Sabedores das ordens dadas pelo rei, para destruir e exterminar o povo, disseram uns aos outros; «Reanimemos o nosso povo abatido e lutemos  em defesa da nossa pátria e do nosso santuário». Convocaram então toda a gente, a fim de estar prontos para a luta, rezar e implorar piedade e misericórdia de Deus. Jerusalém, nessa altura, estava despovoada como um deserto; Não havia um só dos seus filhos que nela entrasse ou saísse. O seu santuário estava profanado, os soldados estrangeiros ocupavam a cidadela, os gentios tinham ali a sua habitação. Toda a alegria de Jacob desaparecera; a flauta e a harpa emudeceram. Os israelitas juntaram-se, pois, e dirigiram-se a Masfa, frente a Jerusalém, porque ali, em Masfa, tiveram outrora, um lugar de oração (1 Sam 7, 5 s). Jejuaram naquele dia, vestiram-se com sacos, cobriram a cabeça  com cinza e rasgaram as suas vestes. Abriram os livros da Lei, para lerem nele as coisas que os gentios costumavam perguntar às representações dos seus falsos deuses (2 Mac 8, 23). Trouxeram as vestes sacerdotais, as primícias e os dízimos  e fizeram vir os nazarenos que haviam cumprido o tempo do seu voto. E levantando o seu clamor até ao céu disseram: «Que havemos de fazer destas ofertas, e para onde as levaremos? O Vosso santuário está profanado e manchado, os Vossos sacerdotes estão em luto e humilhação, as nações coligaram-se para nos aniquilar, Vós sabeis o que eles tramam contra nós. Como resistir diante deles, se Vós , Senhor, não vierdes em nosso auxílio?» Então eles tocaram as trombetas e fizeram grande clamor. Depois disto, Judas nomeou chefes para grupos de mil, de cem, de cinquenta e de dez mil homens e disse aos que construíram casas, aos que tinham tomado mulher, aos que tinham plantado uma vinha e aos tímidos, que voltassem cada um para  sua casa, conforme a prescrição da lei (Dt 20, 5 s). Os israelitas levantaram, em seguida, os seus arraiais e vieram acampar ao sul de Emaús. Judas disse-lhes: «Preparai-vos e portai-vos como valentes, prontos  a lutar amanhã cedo contra estas nações coligadas para nos arruinar e destruir o nosso santuário. É preferível morrer no combate, que ver o extermínio do nosso povo e do nosso santuário. Que se faça unicamente a vontade de Deus».

 

Simão

Simão, filho de Matatias e irmão de Judas Macabeu

(Texto do 1º Livro dos MACABEUS)

===============================================

+++++++++++++++++++++++++++++++++++

000000000000000000000000000000000000000000000

Local onde se processa este Blogue

miscelania 020

http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf

00000000000000000000000000000

Este texto deveria ter sido publicado em

29de JANEIRO DE 2014 – 10.15 h

ANTÓNIO FONSECA

http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf; http:// wikipedia.org.

Nº 1909 - 1ª PÁGINA - (29-14) - SANTOS DE CADA DIA - 29 de Janeiro de 2014 - 6º ano

SARBÉLIO e BEBAIA, Santos

Presbítero e irmã, mártires -  (250)

Em Edessa, no Osroene, na actual Turquia, os santos SARBÉLIO, presbítero e BEBAIA, sua irmã, que segundo a tradição, foram conduzidos ao Baptismo por São BARSIMEU e padeceram o martírio por Cristo.

PAPIAS e AMARO, Santos

Soldados e mártires - (séc. III) 

Em Roma, junto à Via Nomentana, no cemitério Maior, os santos mártires PAPIAS e AMARO, que eram soldados.

CONSTÂNCIO, Santo

Bispo - (séc. III) 

Em Perúgia, na Úmbria, região da Itália, São CONSTÂNCIO, bispo. 

JUVENTINO e MAXIMINO, Santos

Mártires - (378)   

Em Antioquia, na Síria, hoje Antakya, na Turquia, os santos JUVENTINO e MAXIMINO, mártires, que receberam a coroa do martírio no tempo do imperador Juliano o Apóstata. 

VALÉRIO, Santo

Bispo - (séc. III)

Em Tréveris, na Gália Bélgica, actualmente na Alemanha, São VALÉRIO, bispo, o segundo a ocupar esta sede episcopal.

AFRAATES, Beato

Anacoreta  -  (378)

Perto de Antioquia, na Síria, actualmente na Turquia, Santo AFRAATES, anacoreta, nascido e educado na Pérsia, que, seguindo os passos dos magos, em Belém se converteu ao Senhor e, partindo para Edessa, se refugiou numa cabana fora dos muros da cidade; por fim, em Antioquia defendeu a fé católica contra os arianos, pela sua pregação e seus escritos.

GILDAS o Sábio, Santo

Abade  - (570)

Na Bretanha Menor, actualmente na França, São GILDAS o Sábio, abade, que escreveu sobre a destruição da Bretanha, lamentando as calamidades do seu povo e increpando o desatino dos príncipes e do clero. Segundo a tradição, fundou um mosteiro em Rhuys, junto à costa marítima, e morreu na ilha de Houat.  

SULPÍCIO SEVERO, Santo

Bispo - (591)

Em Bourges, na Aquitânia, na actual França, São SULPÍCIO SEVERO, bispo, senador das Gálias, cuja sabedoria, zelo pastoral e empenho na renovação da observância religiosa louvou São Gregório de Tours

VILANA DE BÓTTIS, Beata

Mãe de família - (1361)

Em Florença, na Etrúria, hoje na Toscana, região da Itália, a Beata VILANA DE BÓTTIS, mãe de família que, abandonando a vida mundana, tomou o hábito das Irmãs da Penitência de São Domingos e foi insigne na meditação de Cristo crucificado e na austeridade de vida, mendigando também esmolas nas ruas para ajudar os pobres. 

BRONISLAU MARKIEWICZ, Beato

Presbítero  -  (1912)

Em Miejsce Piestowe, na Polónia, o Beato BRONISLAU MARKIEWICZ, presbítero da Sociedade Salesiana, fundador de duas Congregações de São Miguel Arcanjo.

BOLESLAVA MARIA LAMENT, Beata

Virgem e fundadora - (1946)

Em Bialystok, cidade da Polónia, a Beata BOLESLAVA MARIA LAMENT, virgem, que num difícil período de instabilidade política, fundou a Congregação das Irmãs Missionárias da Sagrada Família, para fomentar a união dos cristãos, socorrer os marginados e formar as jovens na vida cristã.

++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Caros Amigos:

Por motivos que mais dia menos dia, voltarei a explicitar, este blogue esteve suspenso durante algum tempo, mais propriamente a partir do passado dia 16 de Dezembro. Algumas tentativas fiz para que continuasse a ser publicado, nos moldes que vinha efectuando, mas esses esforços foram baldados, tanto mais que apesar de ter agendado, esta página até ao fim do ano, no WINDOWS LIVE WRITER, não consegui de modo nenhum recuperar esses escritos.

Agora que parece ter retomado a normalidade (16 de Janeiro – exactamente um  mês depois…) resolvi proceder à indicação dos Santos celebrados desde o passado dia 1 do corrente e publicá-los imediatamente após a sua feitura, pelo que provavelmente (e de certeza) serão publicados vários dias num dia apenas, até chegar à data certa.

Quanto às outras páginas que fazem parte deste blogue, que também estavam agendadas e desapareceram, procederei exactamente da mesma maneira (ainda não sei quando,) mas, logo que termine ou ponha em dia a 1ª página.

Acontece, portanto, – GRAÇAS A DEUS  -  que  como podem verificar, já consegui colocar em dia, a publicação desta Página – SANTOS DE CADA DIA e a partir do passado dia 21, vou ver se tenho possibilidade de   continuar a agendar os textos correspondentes ao que falta decorrer até ao próximo dia 31. Mantenho para já o mesmo figurino.

_____________________________________

Os meus cumprimentos e agradecimentos pela atenção que me dispensarem.

ANTÓNIO FONSECA

In

MARTIROLÓGIO ROMANO

Conferência Episcopal Portuguesa  -  MMXIII