OS MEUS DESEJOS PARA TODOS

RecadosOnline.com

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Nº 1915 - (2ª PÁGINA) - ANTIGO TESTAMENTO - 1º LIVRO DOS MACABEUS - (6) - 1 de Fevereiro de 2014

Apesar de já ter entrado no mês de Fevereiro (.. ainda não estou em dia…) continuo a  chamar a vossa atenção para o texto que escrevi na 1ª página “SANTOS DE CADA DIA” sobre a suspensão e o reinicio dos mesmo, desde 16 de Dezembro de 2013. Obrigado.

O ANTIGO TESTAMENTO

1 de Fevereiro de 2014

Nº 1915  -  2ª PÁGINA

antoniofonseca1940@hotmail.com
2014

miscelania 124

Mapa da Distribuição das Tribos em ISRAEL

Nº 1915

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

Caros Amigos:

Conforme poderão verificar, se o desejarem, poderão consultar a edição deste Blogue, de 12 de Novembro de 2012, na qual iniciei  - diariamente – a transcrição dos textos descritos na Bíblia Sagrada – por Capítulos (e livros). Simplesmente resolvi, de repente, começar a editar todo o texto do

ANTIGO TESTAMENTO

que, como é sabido - é composto por uma série de vários livros: Os primeiros considerados como LIVROS HISTÓRICOS, os quais vão desde o Pentateuco (atribuído a Moisés),que compreende o Génesis, o Êxodo, o Levítico, os Números e o Deuteronómio, e a seguir, Josué, Juízes, Rute, Livros dos Reis (2) que se completam com os 2 livros dos Paralipómenos ou Crónicas. Seguem-se depois Esdras e Neemias, Tobias, Judite, Ester e o Livro dos Macabeus. Seguem-se os LIVROS DIDÁCTICOS com os livros de Job, Livro dos Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Cântico dos Cânticos, Sabedoria e Eclesiástico; e por fim os LIVROS PROFÉTICOS: Isaías, Jeremias, Baruc, Ezequiel, Daniel, Oseias, Joel, Amós, Abdias, Jonas, Miqueias, Naum, Habacuc, Sofonias, Ageu, Zacarias e Malaquias.

São pois 42 o número total dos livros sobre o Antigo Testamento que tenciono transcrever

até que Deus mo permita, evidentemente…

Para já – neste momento já consegui transcrever os capítulos referentes aos livros GÉNESIS, ÊXODO, LEVÍTICO, NÚMEROS, DEUTERONÓMIO, constantes do PENTATEUCO, JOSUÉ, JUÍZES, RUTE, 1º e 2º de SAMUEL, 1º Reis e 2º Reis, 1º e 2º dos Paralipómenos ou Crónicas, ESDRAS, NEEMIAS, TOBIAS, JUDITE, ESTER,

(Uff... É obra…)

num total de 410 páginas, ficando a faltar apenas 680 capítulos…!!! (mais ou menos) referentes aos restantes, que são apenas os:

1º E 2. MACABEUS (Livros históricos); JOB, SALMOS, PROVÉRBIOS, ECLESIASTES, CÂNTICO DOS CÂNTICOS, SABEDORIA, ECLESIÁSTICO (Livros Sapienciais ); ISAÍAS, JEREMIAS, JEREMIAS – Lamentações, BARUC, EZEQUIEL, DANIEL, OSEIAS, JOEL, AMÓS, ABDIAS, JONAS, MIQUEIAS, NAUM, HABACUC, SOFONIAS, AGEU, ZACARIAS e MALAQUIAS (Profetas).

- Sejamos optimistas –.

Ainda agora é de manhã e alguns dos amigos que conheci há mais de 60 anos, já atingiram os 90 ou quase 100 (dois pelo menos) e ainda estão aí para as curvas. Ora, eu ainda só tenho 73 e se Deus quiser hei-de também chegar a uma idade razoável.

!!!SÃO APENAS POUCO MAIS DE 40 LIVROS = 1260 PÁGINAS …!!! (coisa pouca…)

Poderei porventura dar conta do recado? Se calhar, não! Deus o sabe e decerto providenciará o que lhe aprouver! Sei, no entanto que se poderá dizer:

trata-se de uma  tarefa ciclópica, impossível., etc., para os meus 73 anos (*). e, SE CALHAR, É…

Desconheço se conseguirei executar esta tarefa e sei os limites que poderão antepor-se-me, mas CREIO EM DEUS TODO-PODEROSO que não me desamparará em ocasião alguma. Com Fé e perseverança tudo se consegue e portanto irei até onde Deus me permitir, rezando todos os dias para que eu possa Evangelizar com os meios que tenho à disposição, durante o tempo que Deus Nosso Senhor Jesus Cristo entender.

Se no entanto, o vier a conseguir, darei muitas Graças a Deus.

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

Como afirmei inicialmente, Envolvi-me nesta tarefa, pois considero ser um trabalho interessante, pois servirá para que vivamos mais intensamente a Vida de Jesus Cristo que se encontra sempre presente na nossa existência, mas em que poucos de nós (eu, inclusive) tomam verdadeira consciência da sua existência e apenas nos recordamos quando ouvimos essas palavras na celebração dominical e SOMENTE quando estamos muito atentos,o que se calhar, é raro, porque não acontecendo assim, não fazemos a mínima ideia do que estamos ali a ouvir e daí, o desconhecimento da maior parte dos cristãos do que se deve fazer para seguir o caminho até Ele.

Como Jesus Cristo disse, aos Apóstolos,

no dia da sua Ascensão ao Céu:

IDE POR TODO O MUNDO E ENSINAI  TODOS OS POVOS”.

É apenas isto realmente, que eu estou tentando fazer. AF.

+++++++++++++++++++++++

Mãos à obra, pois, continuemos:

ANTIGO TESTAMENTO

1º Livro dos MACABEUS

Reino Asmoneu - Simão

Reino dos Asmoneus

JUDAS MACABEU

Matatias pai de Judas Macabeu

Matatias, pai de JUDAS MACABEU

6 -  MORTE DE ANTÍOCO EPIFÂNIO

O rei Antíoco atravessava as províncias superiores, quando soube que na Pérsia, em Elimaida, havia uma cidade famosa pelas suas riquezas em prata e ouro. O seu templo, extraordinariamente rico, possuía véus de ouro, escudos, couraças e armas, deixadas ali por Alexandre, filho de Filipe, rei da Macedónia, o primeiro que reinou sobre a Grécia. Dirigiu-se para esta cidade, com o propósito de a tomar e saquear mas não pôde, porque os habitantes estavam prevenidos. Resistiram-lhe com as armas e viu-se obrigado a fugir e a regressar a Babilónia com grande humilhação. Na Pérsia, um mensageiro veio dizer-lhe que as tropas enviadas à Judeia tinham sido derrotadas, e que Lísias, partindo com um poderoso exército, fora derrotado  pelos judeus, os quais aumentaram o seu poderio com  armas, munições e despojos, tomados ao exército destruído. E destruíram também a abominação edificada  por ele sobre o altar, em Jerusalém, e cercaram o templo com altas muralhas, como outrora, assim como a cidade de Betsur. Ouvindo estas notícias, o rei ficou irado e profundamente perturbado. Caiu de cama doente de tristeza, ao ver que os acontecimentos não tinham correspondido aos seus desejos. Passou assim muitos dias, porque a sua mágoa se renovava sem cessar, e julgou morrer. Mandou chamar todos os seus amigos e disse-lhes: «O sono fugiu dos meus olhos e o meu coração desfalece de preocupação. E digo a mim mesmo: a que grande aflição fui reduzido e em que abismo de de tristeza me encontro, eu que antes era bom e amado pelo meu suave governo! Mas, agora, lembro-me dos males que causei em Jerusalém, de todos os objectos de ouro e prata que roubei e de todos os habitantes da Judeia que exterminei sem motivo. Reconheço que foi por causa disto que me sobrevieram todos estes males, e, agora, morro de tristeza numa terra estrangeira». Chamou Filipe, um dos seus amigos, e constituiu-o regente do de todo o seu reino. Entregou-lhe o seu diadema, o seu manto, o seu anel, com a responsabilidade de guiar e educar o seu filho Antíoco para a realeza. O rei Antíoco morreu no ano cento e quarenta e nove (2 Mac 9, 1-29). Lísias, ao ter conhecimento de que o rei morrera, entronizou, no lugar do pai, o seu filho Antíoco, a quem educara desde a infância e a quem dera o nome de Eupator.

Expedição de Antíoco Eupator  -  Entretanto, os que ocupavam a cidadela importunavam os judeus, que se dirigiam ao templo, e procuravam constantemente causar-lhes dano, para apoiar os gentios. Judas, resolveu aniquilá-los e convocou todo o povo, para os sitiar. Reuniram-se, portanto, para começar o cerco, no ano cento e cinquenta, e construíram catapultas e outras máquinas de guerra. Mas alguns dos sitiados, aos quais se juntaram alguns israelitas perversos, dirigiram-se ao rei para lhe dizer:«Quando farás justiça e vingarás os nossos irmãos?» «Temos a certeza de termos servido bem a teu pai, obedecido às suas ordens e segundo as suas leis; e, agora, os filhos do nosso povo voltaram-se contra nós e cercaram a cidadela; além disso matam todos aqueles que caem nas suas mãos e despojam-nos dos seus bens. E não é somente contra nós que eles levantam a mão, mas, também, contra os povos vizinhos. pois que agora sitiaram a cidadela, para se apoderarem dela e do templo e fortificaram Betsur. Se não tomas a dianteira, farão ainda piores males e não os poderás dominar». Ao ouvir estas palavras, o rei encolerizou e convocou todos os seus amigos, os generais dos seus exércitos e os chefes da cavalaria. Juntaram-se-lhe também tropas assalariadas de outros reinos e ilhas marítimas. O seu exército atingiu cem mil infantes, vinte mil cavaleiros e trinta e dois elefantes adestrados para a guerra. Atravessaram a Idumeia e acamparam frente a Betsur, onde combateram por muito tempo, construíram máquinas, mas os sitiados saíram e incendiaram-nas, lutando com coragem. Judas levantou o cerco que tinha posto à cidadela  e veio acampar em Btezacara, frente ao acampamento do rei. Ao amanhecer, o rei levantou-se e dirigiu apressadamente as suas tropas em direcção a Betzacara; as forças prepararam-se para o combate  e tocaram as trombetas . Mostraram aos elefantes sumo de uvas e de amoras  para os excitar ao combate. Distribuíram-nos por falanges, colocando ao lado de cada elefante  mil homens protegidos com cotas de malhas e capacetes de bronze na cabeça, e quinhentos cavaleiros escolhidos  estavam igualmente ao lado de cada animal. Estes cavaleiros precediam o animal, acompanhando-o para onde quer que fosse, sem se afastarem dele. Sobre cada um, montaram, também, fortes torres de madeira, muito firmes e defendidas pelas máquinas, e em cada uma delas, valentes guerreiros  que combatiam desde as torres, e, finalmente, o seu condutor indiano. O resto da cavalaria foi colocada à direita e à esquerda  nas duas alas do exército, para fustigar o inimigo e proteger as falanges. Quando o sol brilhou sobre os escudos de ouro e de bronze a montanha resplandeceu, como que iluminada  por chamas de fogo. Uma parte das tropas do rei espalhou-se sobre a colina  e outra sobre a planície, caminhando  com precaução e boa ordem. Os judeus ficaram espantados ao ouvirem o ruído de tal multidão, a sua marcha, a colisão das suas armas. Era na verdade um exército extremamente grande e poderoso, Judas, no entanto, avançou com os seus homens para travar a batalha. Seiscentos homens do exército do rei foram aniquilados. Eleazar, filho de Avaran, percebeu que um dos elefantes estava armado com uma couraça real, o qual superava todos os outros, e julgou que devia ser do rei. Propôs-se então, salvar todo o povo e celebrizar o seu nome. Precipitou-se, audaciosamente, nessa direcção para o meio da falange, matando à direita e à esquerda e separando o inimigo de lado a lado. Meteu-se debaixo do elefante, tomou posição e matou-o. O animal caiu por cima dele, e ali mesmo morreu. Vendo os de Judas o poder do exército real e a impetuosidade das suas tropas, retiraram-se para Jerusalém. Mas os soldados do rei foram no seu encalço, entraram na Judeia e acamparam no monte Sião. O rei fizera a paz com os habitantes de Betsur, os quais saíram da cidade, porque já não tinham viveres para continuar ali, pois era o ano sabático.

Desta sorte, o rei apoderou-se de Betsur e pôs ela uma guarnição. Durante muitos dias cercou a cidade santa, construiu máquinas, guindastes para lançar fogo, pedras e escorpiões, para lançar flechas e fundas. Por sua vez, os sitiados construíram também máquinas contra as máquinas dos inimigos e combateram por muito tempo. Mas faltavam viveres nos celeiros, por ser o sétimo ano, e todos os que se haviam refugiado na Judeia, para fugir dos gentios, consumiram o resto da reserva. Restavam afinal poucos homens para a defesa do lugar santo, porque os soldados famintos, dispersaram-se, indo cada um para a sua terra. Filipe, a quem o rei Antíoco antes de morrer designara para educar o seu filho Antíoco para a realeza. chegara da Pérsia e da Média com o exército do rei e pretendia apoderar-se do governo. Soube-o Lísias e apressou-se então, a regressar, dizendo ao rei, aos oficiai  e aos homens: «Vamo-nos enfraquecendo aqui dia a dia, escasseiam as provisões e o lugar que sitiamos é forte, e nós devemos ocupar-nos com os negócios do reino. Estendamos a mão a esses homens e façamos paz com eles  e com  toda a sua raça. Deixemo-los viver como outrora, segundo as suas próprias leis, pois foi por causa destas leis, que nós abolimos, que eles se revoltaram e fizeram tudo isto». Esta proposta foi bem acolhida pelo rei e pelos generais. E enviaram mensageiros de paz aos sitiados, que a aceitaram. O rei e os generais confirmaram-na  com juramento e abandonaram a fortaleza. O rei subiu ao monte Sião e observou as fortificações que nele havia; mas faltou à palavra dada  e ordenou a destruição da muralha. logo a seguir, partiu a toda a pressa para Antioquia, onde encontrou Filipe  como senhor da cidade. Atacou-a e recuperou-a pela força.

 

Simão

Simão, filho de Matatias e irmão de Judas Macabeu

(Texto do 1º Livro dos MACABEUS)

===============================================

+++++++++++++++++++++++++++++++++++

000000000000000000000000000000000000000000000

Local onde se processa este Blogue

miscelania 007

http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf

00000000000000000000000000000

Este texto deveria ter sido publicado em

1 de FEVEREIRO DE 2014 – 10.15 h

ANTÓNIO FONSECA

http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf; http:// wikipedia.org.

Nº 1913 - 1ª PÁGINA - (32-14) - SANTOS DE CADA DIA - 1 de Fevereiro de 2014 - 6º ano

TRIFÃO, Santo
Mártir (data incerta)
Na Frígia, na actual Turquia, a comemoração de São TRIFÃO, mártir.
SEVERO, Santo
Bispo (342) 
Em Ravena, na actual Emília-Romanha, região da Itália, São SEVERO,bispo. 
PAULO, Santo
Bispo - (séc. IV) 
Em Saint-Paulo-Trois-Châteaux, no território da Gália Vienense, actualmente na França, São PAULO, bispo, de quem  a cidade recebeu o nome.
BRIGIDA, Santo
Abadessa (525)  
Em Kildare, na Irlanda, Santa BRÍGIDA, abadessa, que fundou um dos primeiros mosteiros desta ilha e, segundo a tradição, prosseguiu a obra evangelizadora iniciada por São PATRÍCIO
URSO, Santo
Presbítero – séc. IX)
Em Aosta, nos Alpes Graios, território da Itália, santo URSO, presbítero.
AGRIPANO, Santo
Bispo e Mártir  -  (séc. VIII)
Em Puy-en-Vélay, na Aquitânia, na actual França, Santo AGRIPANO, bispo e mártir que, ao regressar de Roma, nos confins de Vélay foi assassinado por sequazes dos ídolos.
SIGISBERTO III, Santo
Rei  - (656)
Em Metz, na Austrásia, actualmente também na França, São SIGISBERTO III, rei, que construiu os mosteiros de Stavelot, de Malmédy e muitos outros, e distribuiu esmolas com grande liberalidade às igrejas e aos pobres. 
RAIMUNDO, Santo
Abade - (1160)
Em Ciruelos, localidade de Castela-a-Nova, região da Espanha. São RAIMUNDO, abade de Fitero, que fundou a Ordem de Calatrava e foi insigne defensor do cristianismo. da cidade.  
JOÃO, Santo
Bispo - (1163)
Em Saint-Malo, cidade da Bretanha Menor, região da França, São JOÃO, bispo, homem de admirável austeridade e rectidão, que transferiu para este lugar a sede episcopal de Aleth e recebeu de São Bernardo a orientação para se comportar como bispo pobre, amigo dos pobres e amante da pobreza. 
REINALDO DE ORLEÃES, Beato
Presbítero - (1220)
Em Paris, também na França, o Beato REINALDO DE ORLEÃES, presbítero que, estando de passagem em Roma, animado pelas palavras de São Domingos entrou na Ordem dos Pregadores, à qual atraiu muitos outros pelo exemplo das suas virtudes e o ardor das suas palavras. 
VIRIDIANA, Beata
Virgem - (1236 ou1242)
Em Castelfiorentino, na Etrúria, hoje na Toscana, região de Itália, a beata VIRIDIANA, virgem, que viveu reclusa desde a juventude até à velhice.
ANDRÉ DEI CONTI DI SÉGNI, Beato
Presbitero - (1302)
Em Pileo, no Lácio, região da Itália, o Beato ANDRÉ DEI CONTI DI SÉGNI, presbítero da Ordem dos Menores, que recusando todas as honras e dignidades , preferiu servir a Cristo na humildade e simplicidade. 
CONOR O’DEVANY e PATRÍCIO O’LOUGHAM, Beatos
Bispo e Presbítero (respectivamente)- (1912)
Em Dublin, na Irlanda, os beatos mártires CONOR O’ DEVANY, bispo de Down e Connor, da Ordem dos Frades Menores, e PATRÍCIO O’LOUGHAM, presbítero que, no reinado de Jaime I, foram condenados ao suplicio da forca pela sua fidelidade à fé católica. para fomentar vocações sacerdotais.
HENRIQUE MORSE, Santo
Presbitero e mártir - (1645)
Em Londres, na Inglaterra, santo HENRIQUE MORSE, presbítero da Companhia de Jesus e mártir que, capturado em várias ocasiões e duas vezes exilado, finalmente no reinado de Carlos I foi novamente encarcerado por ser sacerdote e, depois de ter celebrado a Missa no cárcere, foi enforcado em Tyburn e entregou a sua alma a Deus.
MARIA ANA VAILLOT e 46 companheiras, Beatas
Religiosas e mártires - (1794)
Em Avrillé, perto de Angers, na França, a paixão das beatas MARIA ANA VAILLOT e 46 companheiras: OTÍLIA BAUMGARTEN, religiosa; JOANA GRUGET, LUÍSA RALLIER DE LA TERTINIÈRE, MADALENA PERROTIN, MARIA ANA PICHERY e SIMONA CHAUVIGNÉ, viúvas; FRANCISCA PAGIS, JOANA FOUCHARD, MARGARIDA TRIVIÈRE, MARIA CASSIN, MARIA FAUSSEUSE, MARIA GALARD, MARIA GASNIER, MARIA JOANA CHAUVIGNÉ, MARIA LENÉ, MARIA LEROIY BREVET, MARIA ROPUALT, PETRINA PHÉLIPEAUX, RENATA CAILLEAU, RENATA MARTIN e VITÓRIAS BAUDUCEAU, esposas; JOANA, MADALENA e PETRINA SAILLAND D’ESPINATZ, irmãs; GABRIELA, PETRINA e SUSANA ANDROUIN, irmãs; MARIA e RENATA GRILLARD, Irmãs; ANA FRANCISCA DE VILLENEUVE, ANA HAMARD, CARLA DAVY, CATARINA COTTANCEAU, FRANCISCA BELLANGER, FRANCISCA BONNEAU, FRANCISCA MICHAU, JACOBINA MONNIER, JOANA BOURIGAULT, LUÍSA AMATA DÉAN DE LUIGNÉ, MADALENA BLOND, MARIA LEROY BREVET, PETRINA BESSON, PETRINA LEDOYEN, PETRINA GRILLE, RENATA VALIN e ROSA QUENION.  Mártires que, na época de terror durante a Revolução francesa, alcançaram a coroa do martírio.
PAULO HONG YONG-JU, JOÃO YI MUN-U
e BÁRBARA CH’OE YONG-I, Santos
Catequistas – Mártires (1840)
Em Seul, na Coreia, os santos mártires PAULO HONG YONG-JU, catequista, JOÃO YI MUN-U que servia os pobres e sepultava os corpos dos mártires, e BÁRBARA CH’OE YONG-I que, seguindo o exemplo de seus pais e seu esposo, mortos pelo nome de Cristo, como eles foi decapitada com outros cristãos.
JOANA FRANCISCA DA VISITAÇÃO (Ana Michelótti), Beata
Virgem e fundadora  -  (1888)
Em Turim, na Itália, a Beata JOANA FRANCISCA DA VISITAÇÃO (Ana Michelótti), virgem, que fundou o Instituto das Irmãzinhas do Sagrado Coração, para servirem  gratuitamente os enfermos pobres em nome do Senhor.
LUÍS VARIARA, Beato
Presbitero - (1923)
Em Cúcuta, cidade da Colômbia, o beato LUÍS VARIARA, presbítero da Sociedade de São Francisco de Sales, que se dedicou com toda a sua energia e diligência a assistir os leprosos e fundou a Congregação das Filhas dos Sagrados Corações de Jesus e de Maria.
++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
Caros Amigos:
Por motivos que mais dia menos dia, voltarei a explicitar, este blogue esteve suspenso durante algum tempo, mais propriamente a partir do passado dia 16 de Dezembro. Algumas tentativas fiz para que continuasse a ser publicado, nos moldes que vinha efectuando, mas esses esforços foram baldados, tanto mais que apesar de ter agendado, esta página até ao fim do ano, no WINDOWS LIVE WRITER, não consegui de modo nenhum recuperar esses escritos.
Agora que parece ter retomado a normalidade (16 de Janeiro – exactamente um  mês depois…) resolvi proceder à indicação dos Santos celebrados desde o passado dia 1 do corrente e publicá-los imediatamente após a sua feitura, pelo que provavelmente (e de certeza) serão publicados vários dias num dia apenas, até chegar à data certa.
Quanto às outras páginas que fazem parte deste blogue, que também estavam agendadas e desapareceram, procederei exactamente da mesma maneira (ainda não sei quando,) mas, logo que termine ou ponha em dia a 1ª página.
ENTRAMOS AGORA EM FEVEREIRO – DURANTE ALGUNS DIAS (PENSO EU…) VOU CONTINUAR COM O SISTEMA QUE INICIE EM 16 DE JANEIRO ÚLTIMO.
LOGO QUE VERIFIQUE SER POSSÍVEL, DEVO VOLTAR AO SISTEMA ANTIGO OU MELHORAR A SUA EXECUÇÃO, DADO QUE ISSO NÃO DEPENDE APENAS DA MINHA VONTADE, MAS TAMBÉM DOS MEIOS TÉCNICOS QUE ESTOU UTILIZANDO, OS QUAIS AINDA NÃO ESTÃO A CEM POR CENTO.
_____________________________________
Os meus cumprimentos e agradecimentos pela atenção que me dispensarem.
ANTÓNIO FONSECA
In
MARTIROLÓGIO ROMANO
Conferência Episcopal Portuguesa  -  MMXIII
http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf; http:// wikipedia.org.