OS MEUS DESEJOS PARA TODOS

RecadosOnline.com

sexta-feira, 28 de março de 2014

O DOM SUPREMO - A M O R - 28 de Março de 2014


Excerto da CARTA DE S. PAULO AOS CORÍNTIOS


Ainda que fale as línguas dos homens e dos anjos,
Se não tiver AMOR, 
serei como o bronze que soa,
ou como o címbalo que retine.

Ainda que eu tenha o dom de profetizar
e conheça todos os mistérios e toda a ciência;
ainda que eu tenha tamanha fé,
a ponto de transportar montanhas,
se não tiver AMOR, nada serei.

E ainda que eu distribua todos os meus bens
entre os pobres e ainda que entregue o meu próprio corpo para ser queimado,
se não tiver AMOR,
nada disso me aproveitará.

O amor é Paciente, é Benigno,
o AMOR não arde em ciúmes,
não se ufana,
não se ensoberbece,
não se conduz inconvenientemente,
não procura os seus interesses
não se exaspera,
não se ressente do mal;
não se alegra com a injustiça,
mas regozija-se com a verdade.
Tudo sofre,
tudo crê,
tudo espera,
tudo suporta.

AMOR jamais acaba.
Mas, havendo profecias, desaparecerão;
havendo línguas, cessarão;
havendo ciência, tudo passará.
Porque em parte conhecemos, e em parte profetizamos.
Quando, porém, vier o que é perfeito,
o que então é, em parte será aniquilado.

Quando eu era menino,
falava como um menino,
sentia como num menino.
Quando cheguei a ser homem,
desisti das coisas próprias de menino.

Porque agora vemos como em espelho,
obscuramente, e então veremos face a face;
agora conheço em parte,
e então conhecerei como sou conhecido.

Agora, pois, permanecem
a Fé, a Esperança e o AMOR.
Estes três.
Porém, o maior deles é o AMOR.
______________________________________________________

Post em 28-03-14  -  11H00

ANTÓNIO FONSECA

Nº 1968 - (86-14) – 1ª PÁGINA - SANTOS DE CADA DIA - 28 de Março de 2014 - 6º ano

Nº 1968  -  (86-14)

28 de Março de 2014

SANTOS DE CADA DIA

6º ANO

miscelania 125 miscelania 008ImageProxy

**********************************************************

Comemorar e lembrar os Santos de Cada Dia

é dever de todo o católico,

assim como procurar seguir os seus exemplos.

___________________________________________________________________________

===========================================

CASTOR, Santo

Mártir  -  (data incerta) 

Em Tarso, cidade da Cilícia, hoje Turquia, São CASTOR, mártir. 

PRISCO, MALCO e ALEXANDRE, Santos

Mártires  -  (260)

Comemoração dos santos mártires PRISCO, MASLCO e ALEXANDRE que, durante a perseguição de Valeriano, habitavam numa pequena quinta dos arredores de Cesareia da Palestina; sabendo que nessa cidade se ofereciam celestes coroas de martírio, inflamados pelo ardor divino da fé, apresentaram-se espontaneamente ao juiz e, tendo-o censurado pela crueldade com que derramava o sangue dos fiéis, foram por ele imediatamente lançados às feras  para serem devorados, em ódio ao nome de Cristo. 

CIRILO, Santo

Diácono e mártir  -  (362)

Em Heliópolis, na Fenícia, hoje no Líbano, São CIRILO, diácono e mártir, que foi cruelmente assassinado no tempo do imperador Juliano Apóstata.

PROTÉRIO, Santo

Bispo e mártir-  (454)

Em Alexandria no Egipto, São PROTÉRIO, bispo, que após um tumultuoso motim popular na Quinta-feira Santa da Ceia do Senhor, foi ferozmente assassinado pelos monofisitas, sequazes do seu predecessor Dióscoro.

GONTRÃO ou GUNTRANO, Santo

Rei dos Francos - (593)

Em Chalon-sur-Saône, na Borgonha, actualmente na França, o sepultamento de São GONTRÃO ou GUNTRANO, rei dos Francos, que distribuiu os tesouros da sua riqueza em favor das igrejas e dos pobres.

HILARIÃO, Santo

Hegúmeno  -  (séc. VIII)

Junto ao Monte Olimpo, na Bitínia, hoje Turquia, Santo HILARIÃO, hegúmeno do mosteiro de Pelecete, que defendeu vigorosamente o culto das sagradas imagens.

ESTÊVÃO HARDING, Santo

Abade - (1134)

Em Cister, localidade da Borgonha, França, Santo  ESTEVÃO HARDING, abade, que veio de Molesme com outros monges paras este célebre cenóbio, instituiu os irmãos conversos, recebeu o egrégio Bernardo com trinta companheiros e fundou doze mosteiros, que associou com o vínculo da Carta da Caridade, para que não houvesse entre os monges discórdia alguma, mas vivessem na harmonia da mesma caridade, da mesma regra e de costumes semelhantes.

CONO, Santo

Monge  -  (1236)

Em Naso, na Sicília, região da Itália, São CONO, monge sob a observância dos Padres orientais, que ao regressar da peregrinação aos Lugares Santos, sabendo que seus pais tinham falecido , distribuiu pelos pobres toda a fortuna familiar e abraçou a vida eremítica.

ANTÓNIO PATRIZZI, Beato

Em Monticiano, perto de Sena, na Etrúria, hoje na Toscana, região da Itália, o Beato ANTÓNIO PATRÍZZI, presbítero da Ordem dos Eremitas de Santo Agostinho, ilustre pelo seu exímio amor aos irmãos e ao próximo.

JOANA MARIA DE MAILLÉ, Beata

Reclusa  -  (1414)

Em Tours, na França, a Beata JOANA MARIA DE MAILLÉ que depois da morte do esposo na guerra, reduzida à miséria e expulsa da sua casa pelos parentes e abandonada por todos, viveu reclusa numa cela junto do convento dos Menores, mendigando o pão, mas totalmente confiada em Deus.

CRISTOVÃO WHARTON, Beato

Presbítero e mártir  -  (1600)

Em York, na Inglaterra, o Beato CRISTOVÃO WHARTON, presbítero e mártir que no reinado de Isabel I foi condenada ao suplício da forca em ódio ao sacerdócio.

RENATA MARIA FEILLATREAU, Beata

Em Angers, na França, a Beata RENATA MARIA FEILLATREAU, mártir, mulher casada que, durante a Revolução Francesa, foi decapitada por permanecer fiel à Igreja católica.

JOÃO SEBASTIÃO PELCZAR, Santo

Bispo - (1924)

Em Przemysl, na Polónia, São JOSÉ SEBASTIÃO PELCZAR, bispo, fundador da Congregação das Escravas do Sagrado Coração de Jesus e mestre insigne da vida espiritual.

 

++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

miscelania 005 miscelania 006

miscelania 004

Caros Amigos:

Por motivos que mais dia menos dia, voltarei a explicitar, este blogue esteve suspenso durante algum tempo, mais propriamente a partir do passado dia 16 de Dezembro. e tem sofrido algumas outras contrariedades, já do v/conhecimento, inclusive, nem sequer tenho alterado os textos que de vez em quando coloco no cabeçalho, além de me vir limitando a colocar apenas em dia as páginas 1 e 2, TENDO CANCELADO AS RESTANTES  por motivos óbvios.

A partir de hoje, possivelmente, deixarei de publicar os meus blogues através  do WINDOWS LIVE WRITER, já que a MICROSOFT decidiu que a partir de 18 de Abril deste ano, deixará de existir o Windows XP (o que eu considero de todo, injusto para a maior parte das pessoas que conheço e que utilizam este sistema informático) e, que por isso, terão de adquirir ou novos computadores ou um dos novos sistemas "que são caríssimos" pelo menos no que concerne a Portugal, na situação difícil em que se encontra, e no meu caso, por exemplo, terão de ficar sem acesso informático, pois não disponho de possibilidades económicas para transformar os computadores.

MAS QUEM MANDA PODE, e a MICROSOFT pode e está a tentar ganhar dinheiro não lhe importando que haja muita gente que não o pode fazer.

Dizia aqui antes que

"ENTRAMOS AGORA EM FEVEREIRO – E DURANTE ALGUNS DIAS (PENSO EU…) VOU CONTINUAR COM O SISTEMA QUE INICIE EM 16 DE JANEIRO ÚLTIMO, etc., etc."

____________________________________________-

Como se verifica, agora que estamos a meio de Março, voltei provisoriamente a utilizar o sistema do Windows Live Writer, que se encontra outra vez disponível, embora com algumas limitações, que mais dia menos dia, se calhar virão a ser alteradas por efeito da Microsoft, vir anunciando já há algum tempo que o sistema do Windows XP irá acabar em 8 de Abril do corrente ano, para obrigar os utentes a mudar para o Windows 8 ou 8.1 ou adquirir novos computadores – O QUE SINCERAMENTE NESTE MOMENTO É INVIÁVEL NO ASPECTO ECONÓMICO, EU O PODER FAZER -  pelo que vou tentar manter as 1ª e 2ª páginas, enquanto tal me for possível, embora agora o faça directamente através da 'janela' do BLOGGER, que é um pouco complexa talvez, pelo menos para os meus conhecimentos.

Quando o Windows XP acabar, – se porventura não suceder um milagre ou ganhar algum dinheiro no Totoloto – o mais certo será eventualmente ter que paralisar a edição dos meus blogues – se eu não puder daí em diante utilizar o computador, para este efeito, o que será deveras lamentável.

Apesar de tudo continuo optimista e pode ser que nem tudo seja tão mau como eu estou a pensar neste momento.

Desculpem-me por favor. Obrigado.  AF

miscelania 004

_____________________________________

Local onde se processa este blogue, na cidade do Porto

miscelania 003

Os meus cumprimentos e agradecimentos pela atenção que me dispensarem.

ANTÓNIO FONSECA

In

MARTIROLÓGIO ROMANO

Conferência Episcopal Portuguesa  -  MMXIII

http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf; http:// wikipedia.org

Nº 1968 - 2ª PÁGINA - O ANTIGO TESTAMENTO - O LIVRO DE JOB - (31) - 28 de Março de 2014

O ANTIGO TESTAMENTO

28 DE MARÇO DE 2014

Nº 1968 - 2 ª PÁGINA

antoniofonseca1940@hotmail.com
2014

miscelania 002

Mapa Antigo de ISRAEL

miscelania 124

Distribuição de Israel após a sua saída do EGIPTO

Nº 1968

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

Caros Amigos:

Após a Comunicação feita em título e verificando-se que retomei a publicação diária desta página sobre o Texto incluso na BÍBLIA SAGRADA – n’O ANTIGO TESTAMENTO, que venho publicando desde 12 de Novembro de 2012, há quase ano e meio, à razão de 1 ou 2 Capítulos por dia de todos os livros que o compõem (que são 42, como se sabe) e dos quais já consegui editar 22 (praticamente metade…).

Reconheço que é um trabalho cansativo e que requer muita disposição de espírito e muito cuidado na transcrição de todas as palavras que contêm os textos que me propus levar a cabo. Não fora as frequentes e malfadadas avarias que têm causado muitas interrupções no meu computador, possivelmente estaria já um pouco mais adiantado, embora soubesse à partida que iria ser uma tarefa bastante difícil para levar a cabo com os poucos conhecimentos técnicos que possuo, para não falar da idade, que se Deus quiser, de hoje a três dias de 74 anos - mas, graças a Deus, tudo isso tem sido ultrapassado com a Sua ajuda e a minha Fé em que poderei terminar esta tarefa – dure o tempo que durar, – pois Deus me tem dado Saúde e Força para a continuar.

A partir de agora, vou centralizar-me apenas na transcrição dos textos, deixando de mencionar as palavras que durante esse longo tempo, têm antecedido a mesma. Mencionarei apenas os Livros já publicados e os que faltam, em cada dia.

Assim, pois já foram aqui publicados até agora, os textos dos seguintes livros:

GÉNESIS, ÊXODO, LEVÍTICO, NÚMEROS, DEUTERONÓMIO, constantes do PENTATEUCO, JOSUÉ, JUÍZES, RUTE, 1º e 2º de SAMUEL, 1º Reis e 2º Reis, 1º e 2º dos Paralipómenos ou Crónicas, ESDRAS, NEEMIAS, TOBIAS, JUDITE, ESTER, 1º dos MACABEUS, 2º dos MACABEUS (Livros históricos);

Faltando, pois publicar, os seguintes:

JOB, SALMOS, PROVÉRBIOS, ECLESIASTES, CÂNTICO DOS CÂNTICOS, SABEDORIA, ECLESIÁSTICO (Livros Sapienciais ); ISAÍAS, JEREMIAS, JEREMIAS – Lamentações, BARUC, EZEQUIEL, DANIEL, OSEIAS, JOEL, AMÓS, ABDIAS, JONAS, MIQUEIAS, NAUM, HABACUC, SOFONIAS, AGEU, ZACARIAS e MALAQUIAS (Profetas).

Como dizia nas edições anteriores,

Poderei porventura dar conta do recado? Se calhar, não! Só Deus o sabe e decerto providenciará o que lhe aprouver! Sei, no entanto que se poderá dizer: trata-se de uma  tarefa ciclópica, impossível., etc., para os meus 74 anos (*). e, SE CALHAR, É… Desconheço se conseguirei executar esta tarefa e sei os limites que poderão antepor-se-me, mas CREIO EM DEUS TODO-PODEROSO que não me desamparará em ocasião alguma. Com Fé e perseverança tudo se consegue e portanto irei até onde Deus me permitir, rezando todos os dias para que eu possa Evangelizar com os meios que tenho à disposição, durante o tempo que Deus Nosso Senhor Jesus Cristo entender.

Se no entanto, o vier a conseguir, darei muitas Graças a Deus.

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»

Como afirmei inicialmente, Envolvi-me nesta tarefa, pois considero ser um trabalho interessante, pois servirá para que vivamos mais intensamente a Vida de Jesus Cristo que se encontra sempre presente na nossa existência, mas em que poucos de nós (eu, inclusive) tomam verdadeira consciência da sua existência e apenas nos recordamos quando ouvimos essas palavras na celebração dominical e SOMENTE quando estamos muito atentos,o que se calhar, é raro, porque não acontecendo assim, não fazemos a mínima ideia do que estamos ali a ouvir e daí, o desconhecimento da maior parte dos cristãos do que se deve fazer para seguir o caminho até Ele.

Como Jesus Cristo disse, aos Apóstolos, no dia da sua Ascensão ao Céu:

IDE POR TODO O MUNDO E

ENSINAI  TODOS OS POVOS”.

É apenas isto realmente, que eu estou tentando fazer. AF.

+++++++++++++++++++++++

Mãos à obra, pois, continuemos:

ANTIGO TESTAMENTO

Livro de JOB

Reino Asmoneu - Simão

UZ  -  actual IRAQUE

terra da naturalidade de

JOB

LIVRO DE JOB

JOB, HOMEM JUSTO E TEMENTE A DEUS

31 – A INOCÊNCIA DE JOB

 

Eu tinha feito um pacto com os meus olhos:

De nem sequer olhar para uma virgem. Que galardão me daria DEUS lá do alto.

e que herança me reservaria o Omnipotente lá dos céus?

Acaso, não é a infelicidade para o injusto e o infortúnio para os que praticam a iniquidade?

Não conhece Deus os meus caminhos e não conta todos os meus passos?

Caminhei com a mentira e o meu pé correu atrás da fraude?

Que Deus me pese na balança justa e reconhecerá a minha integridade (Dan 5, 27)

Se os meus passos se desviaram do caminho e o meu coração foi atrás dos meus olhos

Se se apegou alguma mancha às minhas mãos, então, que eu semeie e outro coma,

e que as minhas plantações sejam arrancadas!

Se o meu coração se deixou seduzir por uma mulher e estive à espreita à porta do meu próximo

que a minha mulher gire a mó para outro e que os estrangeiros a possuam!

Porque é um grande crime e uma iniquidade horrenda, fogo que devora até à destruição

e que arruinaria todos os meus bens. Se violei o direito do meu servo

e da minha serva, nas suas discussões comigo, que será de mim quando Deus se levantar?

Que Lhe responderei quando me interrogar?

Porventura Aquele que me criou no ventre da minha mãe, não o criou também a ele?

Não foi Ele que nos formou a ambos no seio da nossa mãe (Sab 6, 8; 7, 6. Ef 6. 9)?

Acaso, recusei aos pobres aquilo que pediam, ou defraudei a esperança da viúva?

Ou comi sozinho o meu pedaço de pão, sem dar ao órfão a sua parte?

Ao contrário, desde a minha infância cuidei dele como um pai e desde o ventre de minha mãe o protegi

Se não fiz caso do miserável que não tinha roupas, nem do pobre que não tinha com que se cobrir;

se não me encheram de bênçãos os membros do seu corpo, ao verem-se aquecidos com a lã das minhas ovelhas;

se levantei a mão contra o órfão, porque me via protegido pelos juízes;

então, que o meu ombro caia das minhas costas, e  que o meu braço seja arrancado do seu cotovelo!

Porque eu sempre temi a Deus e nunca pude resistir ao peso de Sua majestade

Acaso, pus no ouro a minha segurança, ou disse ao ouro mais puro: «És a minha esperança? (sl 51, 9: Mc 10, 24)

Ou rejubilei com a grandeza da minha fortuna, ou com o facto da minha mão ter ajuntado muito (Sl 51, 9; 61, 11)?

Acaso, quando via o sol brilhar e a luz levantar-se no seu esplendor (Dt 8, 17; 4, 19)

o meu coração deixou-se seduzir em segredo e levei a minha mão à boca para um beijo?

Também isto seria um crime digno de castigo pois teria renegado o Deus do céu.

Alegrei-me, porventura, com a ruína do meu inimigo e exultei com a infelicidade que lhe sobreveio?

Antes, nem sequer permiti que a minha língua pecasse, reclamando a sua morte com uma imprecação!

Não afirmaram as pessoas da minha tenda: «Quem  não saiu saciado da sua mesa?»

O estrangeiro não pernoitava à intempérie; abria sempre a minha porta ao viandante.

Encobri a minha culpa aos homens, escondendo no meu peito a minha iniquidade (Prov 28, 13)

como se temesse a multidão e receasse o desprezo dos parentes

a ponto de me manter calado sem pôr o meu pé fora da porta?

Oh! se eu tivesse alguém que me ouvisse! Eis a minha assinatura!

Que o Todo-Poderoso me responda!

Quanto ao libelo da acusação escrito pelo meu adversário não o levaria eu sobre os meus ombros

e não cingiria a minha fronte com ele como num diadema? Dar-lhe-ia conta de todos os meus passos

e aproximar-me-ia dele, altivo, como um príncipe. Se a terra clamou contra mim

e os seus sulcos derramaram lágrimas. Se comi os seus frutos sem pagar o preço

e afligi a alma do seu possuidor, nasçam-me cardos em vez de trigo

e o joio em vez de cevada!

Aqui terminam as palavras de JOB.

 

Texto do Livro de JOB)

===============================================

+++++++++++++++++++++++++++++++++++

000000000000000000000000000000000000000000000

Local onde se processa este Blogue

http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf

00000000000000000000000000000

Este texto deveria  será  publicado em

28 de Março de 2014

ANTÓNIO FONSECA

http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf; http:// wikipedia.org.