OS MEUS DESEJOS PARA TODOS

RecadosOnline.com

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Nº 2210 - (328-14) 1ª PÁGINA - SANTOS DE CADA DIA - 24 de Novembro de 2014 - SÉTIMO ANO

Caros Amigos:






Nº 2210 - (328-14)

1ª PÁGINA

24 de Novembro de 2014

SANTOS DE CADA DIA

7º ANO

miscelania 125 miscelania 008miscelania 125

**********************************************************

Comemorar e lembrar os Santos de Cada Dia
é dever de todo o católico,
assim como procurar seguir os seus exemplos.

___________________________________________________________________________

===========================================

ANDRÉ DUNG LAC, Santo


e 116 companheiros
CLEMENTE INÁCIO DELGADO CEBRIÁN, DOMINGOS HENARES, JERÓNIMO HERMOSILA, JOSÉ MARIA DIAZ SANJURJO, MELCHIOR GARCIA SAMPEDRO, PEDRO DUMOULIN-BORIE, VALENTIM BÉRRIO OCHOA, Bispos, AGOSTINHO SCHOEFFLER, BERNARDO VU VAN DUE, DOMINGOS CAM, DOMINGOS MÂU, DOMINGOS NGUYEN VAN (Doán) XUYÊN, DOMINGOS NGUYEN VAN HANH (Diêu), DOMINGOS TRACH, DOMINGOS TUOC, MANUEL NGUYEN VAN TRIÊU, FRANCISCO GIL DE FEDERICH, FRANCISCO JACCARD, JACINTO CASTAÑEDA, TIAGO DO MAI NAM, JOÃO CARLOS CORNAY, JOÃO DAT, JOÃO DOÂN TRINH HOAN, JOÃO LUÍS BONNARD, JOÃO TEÓFANES VENARD, JOSÉ DANG DINH (Niên) VIÊN, JOSÉ DÔ QUANG HIEN, JOSÉ FERNÁNDEZ, JOSÉ MARCHAND, JOSÉ NGUYEN DINH NGHI, JOSÉ TUÂN, ISIDORO GAGELIN, LOURENÇO NGUYEN VAN HUONG, LUCAS VU BÁ LOAN, MARTINHO TA DUC THINH, MATEUS AFONSO DE LEZINIANA, PAULO LÊ BAO TINH, PAULO LE-VAN-LOC, PAULO NGUYEN NGAN, PAULO PHAM KHAC KHOAN, PEDRO ALMATÓ RIBEIRA, PEDRO DOAN CONG QUY, PEDRO FRANCISCO NÉRON, PEDRO KHANH, PEDRO LE TUY, PEDRO NGUYEN BA TUÂN, PEDRO NGUYEN VAN LUU, PEDRO NGUYEN VAN TU, PEDRO TRUONG VAN THI, FILIPE PHAN VAN MINH, TOMÁS DINH VIET DU, TOMÉ KHUONG, VICENTE DO YEN, VICENTE LE QUANG LIEM e VICENTE NGUYEN THE DIEM, presbíteros, ANDRÉ NGUYEN KIM THONG NAM (Nam Thuong), ANTÓNIO NGUYEN HUU (Nam) QUYNH, DOMINGOS BUI VAN, FRANCISCO XAVIER CAN, FRANCISCO XAVIER HA TRONG MAU, JOÃO BAPTISTA DINH VAN THANH, JOSÉ NGUYEN DIN UYEN, JOSÉ NGUYEN DUY KHANG, JOSÉ NGUYEN VAN LUU, MATEUS NGUYEN VAN PHUONG, PAULO NGUYEN VAN MY, PEDRO DOAN VAN VAN, PEDRO NGUYEN KHAC TU, PEDRO NGUYEN VAN HIEU, PEDRO TRUONG VAN DUONG, PEDRO VU VAN TRUAT  e TOMÁS TOÁN, catequistas, INÊS LE THI THANH (Dê), ANDRÉ TUONG, ANDRÉ TRAN VAN TRONG, ANTÓNIO NGUYEN DÍCH, AGOSTINHO NGUYEN VAN MOI, AGOSTINHO PHAN VIET HUY, DOMINGOS HUYEN, DOMINGOS MAO, DOMINGOS NGON, DOMINGOS NGUYEN, DOMINGOS NHI, DOMINGOS NICOLAU DINH DAT, DOMINGOS NINH, DOMINGOS PHAM TRONG (An) KHAM, DOMINGOS TOAI, MANUEL LE VAN PHUNG, MANUEL PHUNG, FRANCISCO DO MINH CHIEU, FRANCISCO TRAN VAN TRUNG, JOÃO BAPTISTA CON, JOSÉ HOANG LUONG CAMH, JOSÉ LE DANG THI, JOSÉ PHAM TRONG (Cai) TA, JOSÉ TUÁN, JOSÉ TUC, LUCAS (Cai) THIN, MARTINHO THO, MATEUS LE VAN GAM, MIGUEL HO DINH HY, MIGUEL NGUYEN HUY MY, NICOLAU BUI VIET THÊ, PAULO HANH, PAULO TONG VIET BUONG, PEDRO DA, PEDRO DONG, PEDRO DUNG, PEDRO THUAN, PEDRO VO DANG KHOA, SIMÃO PHAN DAC HOA, ESTÊVÃO NGUYEN VAN  VINH, TOMÁS NGUYEN VAN DÊ, TOMÁS TRAN VAN THIEN, VICENTE DUONG y VICENTE TUONG, catecúmenos, Santos


Memória dos santos ANDRÉ DUNG LAC,
presbítero e 117 companheiros - Vietname - (1625 e 1886)

Memória dos santos ANDRÉ DUNG LAC, presbítero e companheiros (117) missionários que sofreram o martírio no Tonquim, Anam e Cochinchina, regiões da Ásia, do actual Vietname - 8 bispos, muitos presbíteros e um ingente número de fiéis de ambos os sexos e de todas as condições e idades, - que aceitaram o desterro, os cárceres, os tormentos e enfim os mais cruéis suplícios, por recusarem calcar a cruz e abjurar da fé cristã.



CRISÓGONO DE AQUILEIA, Santo





Mártir - Aquileia - Venécia hoje Friúli - Itália - (séc. IV)



FIRMINA ou FERMINA, Santa




Mártir - Amélia - Úmbria - Itália - (séc., IV)


PROTÁSIO, Santo




Bispo - Milão, Ligúria hoje Lombardia - Itália  - (356)


ROMÃO, Santo

Presbitero - Blaye - Bordéus - França - (380)

COLMANO, Santo


Bispo - Cloyne - Irlanda - (604)

PORCIANO, Santo

Abade - Arvena - Aquitânia hoje Clermont-Ferrand - França - (532)

FLORA e MARIA ou MARTA, Santas

Virgens e mártires - Córdova - Andaluzia - Espanha - (851)


ALBERTO DE LOVAINA, Santo

Bispo de Liége e mártir - Reims - França - (1192)

BÁLSAMO di CAVA, Beato


Abade no mosteiro de Cava d'Tirréni - Campânia - Itália - (1232)

PEDRO DUMONLIN-BORIE, Santo


PEDRO VO DANG KHOA, Santo
VICENTE HGUYEN THE DIEM, Santo
Bispo e presbiteros - Dong Hoi - Anam - Vietname - (1838)

MARIA ANA SALA, Santa



Virgem - Milão - Itália - (1891)

FÉLIX ALONSO MUÑIZ, Beato

Presbitero e mártir - Paracuellos del Jarama - Madrid - Espanha - (1936)



NICETA DA SANTA PRUDÊNCIA (Niceta Plaja Xifra), Beata


e companheiras
PAULA DE SANTA ANASTÁSIA (Paula Isla Alonso) 

ANTÓNIA DE SÃO TIMÓTEO (Antónia Gosens Sáez de Ibarra)

 DARIA DE SANTA SOFIA (Daria Campillo Paniágua),

 ERUNDINA DE NOSSA SENHORA DO CARMO 
(Erundina Colino Vega),

 MARIA DA CONSOLAÇÃO DO SANTÍSSIMO SACRAMENTO (Maria da Consolação Cuñado González), 

CONCEIÇÃO DE SANTO INÁCIO 
(Maria da Conceição Odriozola Zabalia), 

FELICIANA DE NOSSA SENHORA DO CARMO 
(Feliciana Uribe Orbe),

 CONCEIÇÃO DE SANTA MADALENA 
(Conceição Rodríguez Fernández), 

JUSTA DA IMACULADA (Justa Maiza Goicochea), 

CLARA DE NOSSA SENHORA DA ESPERANÇA 
(Clara Ezcurra Urrútia) 

CÂNDIDA DE NOSSA SENHORA DOS ANJOS 
(Cândida Cayuso González), Beatas



Virgens e mártires - Picadero de Paterna -. Valência - Espanha - (1936)



EANFLEDA ou ENFLEDA, Santa



 Viúva - falecida em Whitby - Nortúmbria - Inglaterra - (671)

EANFLEDA era filha do rei dos Nortumbrianos, Santo EDVINO e de Santa  ETELBURGA de Kent. Nasceu, diz-nos BEDA, «na noite sacrossanta do domingo de Páscoa». O pai acabava de ser ferido por um sicário enviado pelo rei dos Saxões ocidentais (20 de Abril de 626). Agradecendo ele aos deuses este nascimento, o bispo PAULINO persuadi-o que era melhor dar graças a Cristo. EDVINO prometeu servir a JESUS, se se curasse e pudesse vencer o rei dos Saxões. Confiou a filha a PAULINO, que a baptizou pelo Pentecostes.
Tendo morrido EDVINO em combate a 12 de Outubro de 633, Paulino retirou-se para Kent com Eanfledinha. Mais tarde, por 643, esta casou-se com Oswy, rei da Nortumbria. Deste casamento nasceu Santa Eanfleda, segunda abadessa de Whitby. Eanfleda empenhava-se em conservar o costume de Kent quanto à celebração da Páscoa, o que introduzia por vezes uma semana de diferença entre a sua data e a data do marido. Ela regulava-se pelo calendário romano do seu capelão, chamado precisamente Romanus, formado em Kent, sem questionar com Santo Aidano e com os Nortumbrianos. A mesma obteve a fundação dum mosteiro em Gilling, destinado a expiar o assassínio de Santo OSWIN, rei de Deira. Santo WILFREDO encontrou nela uma protectora, que o colocou muito jovem em Lindisfarne e mais tarde apoiou o seu projecto de peregrinação a Roma, recomendando-o ao rei de Kent. O papa VITALIANO, por 667, escrevia a OSWY para suavemente a persuadir a tomar em tudo o uso de Roma, e enviava à rainha uma cruz com relíquia das cadeias de São PEDRO e São PAULO. Já em 664, numa conferência em Whitby, OSVY se tinha declarado pelo costume da Igreja patrocinada pelo celestial porteiro.
Tendo OSVY falecido a 15 de Fevereiro de 671, EANFLEDA retirou-se para o mosteiro de Whitby, onde sua filha EANFLEDA era abadessa; OSVY já lá repousava. EANFLEDA figura já no Martirológio de Wilson do século XVII





*************************

*******************

*******************************



Caros Amigos


Como podem observar, já modifiquei  a redacção -do CABEÇALHO que vem sendo exibido e vou tentar colocar ali de novo a imagem da Igreja da Comunidade de São Paulo do Viso, que identificou desde o início este Blogue, - para já ainda não o pude fazer, tendo optado por colocar uma mais pessoal e comemorativa do meu aniversário de casamento - mas dentro de dias vou procurar no meu arquivo outra qualquer que eu encontre para a substituir. 

Também tenciono ir procedendo a novas alterações no corpo do blogue e talvez no seu modelo, para não ser sempre a mesma coisa. 
Aliás estas modificações servirão para melhorar um pouco (ou muito) os textos e a formatação que considero já um pouco cansativa. Sempre que for possível, inserirei miniaturas sobre os Santos e Beatos que for publicando, - como fazia inicialmente.

Desculpem-me por favor. Obrigado.  AF


miscelania 004
_____________________________________

Local onde se processa este blogue, na cidade do Porto

miscelania 003

Os meus cumprimentos e agradecimentos pela atenção que me dispensarem.

ANTÓNIO FONSECA

In

MARTIROLÓGIO ROMANO

http://es.catholic.net;
 http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; 
http://bibliaonline.com.br/acf
http:// Wikipedia.org.
etc., etc.

Nº 2210 - 2 ª PÁGINA - O ANTIGO TESTAMENTO - LIVRO DO ECLESIÁSTICO - (24) - 24 de Novembro de 2014 - SÉTIMO ANO

O ANTIGO TESTAMENTO 

24 DE NOVEMBRO DE 2014

Nº 2210 - 2 ª PÁGINA
antoniofonseca1940@hotmail.com
ANO 7

Caros Amigos:

Passado o Dia de Festa para mim, em virtude deste Blogue ter entrado no seu sétimo ano de publicação diária (com muitos altos e baixos, mas mesmo assim, continuamente) e, sinto-me Feliz por ainda estar aqui presente e vou continuar a seguir o lema:


«IDE POR TODO O MUNDO E ENSINAI TODOS OS POVOS», 

pelos meios de que disponho. 

Durante esta transcrição tenho aprendido muita coisa que desconhecia e, que de certeza, também era e é desconhecida de muitos milhões de almas por este mundo fora. 
Não chego a todos, evidentemente, mas nem que consiga apenas tocar no coração de um só, sentir-me-ei compensado. 
Até que DEUS o permita vou continuar esta descrição e espero completá-la no pleno uso das minhas faculdades.
Obrigado a todos os que me seguem.

Sigamos, então, em frente:



miscelania 002

Mapa Antigo de ISRAEL - ANTIGO TESTAMENTO

miscelania 124
























Em cima mapas após a saída do Egipto e após a independência em 1948





Jerusalém actual

****************************************************
Caros Amigos:
Terminada em 30-10 a transcrição do livro da SABEDORIA.  no passado dia 31 foi a do livro ECLESIÁSTICO (ou Livros Sapienciais), qual deverá demorar mais ou menos uns 50 dias pelo que devo terminar perto do Natal, mais propriamente na terceira semana de Dezembro próximo, ASSIM DEUS ME AJUDE. 
Apesar de continuar a ser um trabalho cansativo e que requer muita disposição de espírito e muito cuidado na transcrição de todas as palavras que contêm os textos que me propus levar a cabo. Não fora as frequentes e malfadadas avarias que têm causado muitas interrupções no meu computador, possivelmente estaria já um pouco mais adiantado, embora soubesse à partida que iria ser uma tarefa bastante difícil para levar a cabo com os poucos conhecimentos técnicos que possuo, para não falar da idade, que se Deus quiser, daqui a quatro meses será de 75 anos - mas, graças a Deus, tudo isso tem sido ultrapassado com a Sua ajuda e a minha Fé em que poderei terminar esta tarefa – dure o tempo que durar, – pois Deus me tem dado Saúde e Força para a continuar.
Como já tive oportunidade de dizer anteriormente continuo a mencionar  os Livros já publicados e os que faltam, em cada dia.
Assim, pois já foram aqui publicados até agora, os textos dos seguintes livros:

GÉNESIS, ÊXODO, LEVÍTICO, NÚMEROS, DEUTERONÓMIO, constantes do PENTATEUCO, JOSUÉ, JUÍZES, RUTE, 1º e 2º de SAMUEL, 1º Reis e 2º Reis, 1º e 2º dos Paralipómenos ou Crónicas, ESDRAS, NEEMIAS, TOBIAS, JUDITE, ESTER, 1º dos MACABEUS, 2º dos MACABEUS (Livros históricos); JOB, SALMOS, PROVÉRBIOS, ECLESIASTES, CÂNTICO DOS CÂNTICOS, SABEDORIA

Faltando, pois publicar, os seguintes:

ECLESIÁSTICO (Livros Sapienciais ); ISAÍAS, JEREMIAS, JEREMIAS – Lamentações, BARUC, EZEQUIEL, DANIEL, OSEIAS, JOEL, AMÓS, ABDIAS, JONAS, MIQUEIAS, NAUM, HABACUC, SOFONIAS, AGEU, ZACARIAS e MALAQUIAS (Profetas).

Como dizia nas edições anteriores,
Poderei porventura dar conta do recado? 
Se calhar, não! Só Deus o sabe e decerto providenciará o que lhe aprouver! 
Sei, no entanto que se poderá dizer: trata-se de uma  tarefa ciclópica, impossível., etc.., para os minha IDADE, e, SE CALHAR, É… 
Continuo a desconhecer se conseguirei executar esta tarefa e sei os limites que poderão antepor-se-me, mas CREIO EM DEUS TODO-PODEROSO que não me desamparará em ocasião alguma. Com Fé e perseverança tudo se consegue e portanto irei até onde Deus me permitir, rezando todos os dias para que eu possa Evangelizar com os meios que tenho à disposição, durante o tempo que Deus Nosso Senhor Jesus Cristo entender.
Se no entanto, o vier a conseguir, darei muitas Graças a Deus.

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»


Como afirmei inicialmente, Envolvi-me nesta tarefa, pois considero ser um trabalho interessante, pois servirá para que vivamos mais intensamente a Vida de Jesus Cristo que se encontra sempre presente na nossa existência, mas em que poucos de nós (eu, inclusive) tomam verdadeira consciência da sua existência e apenas nos recordamos quando ouvimos essas palavras na celebração dominical e SOMENTE quando estamos muito atentos, – o que se calhar, é raro, porque não acontecendo assim, não fazemos a mínima ideia do que estamos ali a ouvir e daí, o desconhecimento da maior parte dos cristãos do que se deve fazer para seguir
caminho até Ele.
Como Jesus Cristo disse, aos Apóstolos, no dia da sua Ascensão ao Céu:

IDE POR TODO O MUNDO E
ENSINAI  TODOS OS POVOS”.

É apenas isto realmente, que eu estou tentando fazer. AF.


+++++++++++++++++++++++

Mãos à obra, pois, continuemos:

ANTIGO TESTAMENTO

ECLESIÁSTICO
Reino Asmoneu - Simão
UZ  -  actual IRAQUE terra da naturalidade de JOB


J O B


ECLESIÁSTICO
Livros Sapienciais


*********************************************************


PRIMEIRA PARTE

24


ORIGEM E IMPORTÂNCIA DA SABEDORIA

A sabedoria faz o seu próprio elogio, honra-se em Deus, gloria-se no meio do Seu povo.
Abre a Sua boca na assembleia do Altíssimo, gloria-se diante dos exércitos do Senhor.
É exaltada no meio do Seu povo, e admirada na assembleia santa. 
Entre a multidão dos eleitos, recebe louvores, e bênçãos entre os abençoados do Senhor.
Ela diz: «Saí da boca do Altíssimo: nasci antes de toda a criatura (Prov 2, 6; Col 1, 15).
Eu fiz nascer no céu uma luz indefectível, e como uma nuvem cobri toda a terra.
Habitei nos lugares mais altos, e o meu trono está sobre uma coluna de nuvens.
Sozinha percorri a abobada celeste, penetrei nas profundezas dos abismos, andei sobre as ondas do mar, e percorri toda a terra. 
Imperei sobre todos os povos e sobre todas as nações. 
Tive debaixo dos meus pés, com o meu poder, os corações de todos os homens, grandes e pequenos; 
entre todas estas coisas busquei um lugar de repouso, e habitarei na herança do Senhor (2 Cor 6, 16). 
Então a voz do Criador do Universo deu-me as Suas ordens, e Aquele que me criou repousou sob a minha tenda.
E disse-me: 
«Habita em Jacob, possui a tua herança em Israel, e lança as tuas raízes entre os Meus eleitos». 
Ele criou-me, desde o princípio, antes de todos os séculos, e não deixarei de existir até ao fim dos séculos. 
E exerci diante d'Ele o meu ministério na morada santa. 
Assim me fixei em Sião; repousei na cidade santa, e em Jerusalém está a sede do meu poder. 
Deitei raízes no meio de um povo glorioso, cuja herança está na partilha do meu Deus, e estabeleci a minha morada na assembleia dos santos. 
Elevei-me como o cedro do Líbano, como cipreste do monte Sião (2 Rs 14, 9; Sl 132, 3; Cant 7,7); cresci como a palmeira de Cades, como as roseiras de Jericó. 
Elevei-me como uma formosa oliveira nos campos, como o plátano no caminho à beira das águas. 
Difundi um perfume de cinamono e de balsamo odorífero, e exalei um perfume suave como mirra escolhida (Ex 30, 23; Prov 7, 17; Cant 1, 13; 4, 14; Mt 2, 21; Jo 19, 39).
Perfumei a minha morada com perfumes, como o estoraque, o gálbano, o ónix e a mirra, e como a gota do incenso caída por si própria.
O meu perfume é como um balsamo sem mistura.
Estendei os meus ramos como o terebinto; 
os meus ramos são ramos de honra e de graça. 
Cresci como a vinha de frutos de agradável odor, e as minhas flores dão frutos de glória e de riqueza (Jz 9, 13; Prov 8, 19; Jo 15, 1).

Frutos e dons da sabedoria

Sou a mãe do puro amor, do temor, da ciência e da santa esperança.
Em mim encontra-se toda a graça do caminho e da verdade, em mim toda a esperança da vida e da virtude.
Vinde a mim todos os que me desejais com ardor, e enchei-vos dos meus frutos (Prov 1, 23; Is 55, 1; Mt 11, 28).
Porque pensar em mim é mais doce do que o mel, e possuir-me é mais suave que o favo de mel.
A memória do meu nome durará por toda a série dos séculos.
Aqueles que me comem terão ainda fome, e aqueles que me bebem terão ainda sede .
Aquele que me ouve não será confundido, e os que agem por mim não pecarão.
Aqueles que me tornam conhecida terão a vida eterna .
Tudo isto é o livro da vida, a aliança do Altíssimo e o conhecimento da verdade.
Moisés deu-nos a lei com os preceitos da justiça, a herança da casa de Jacob e as promessas feitas a Israel.
Prometeu ao seu servo David que faça sair dele um rei poderosíssimo, o qual se sentaria eternamente sobre um trono de glória .
Ela (a lei) faz transbordar a sabedoria como o Fison, e como o Tigre na época dos frutos novos;
Ela faz transbordar a inteligência como o Eufrates, e como o Jordão no tempo da colheita.
É ela que derrama a ciência como Nilo e inunda de águas como o Geon no tempo da vindima.
Nem o primeiro a conheceu perfeitamente, nem o último de igual modo a descobriu.
Os seus pensamentos  são mais vastos que o mar, e os seus desígnios mais profundos do que o grande abismo (Rom 11, 33).
Eu, a sabedoria, fiz correr os rios.
Sou como o curso de água imensa de um rio, como o canal de uma ribeira, e como um aqueduto que sai do paraíso.
Eu disse: «Regai as plantas do meu jardim  e saciarei de água os frutos do meu prado». 
E eis que o meu curso de água se tornou um caudaloso rio, e o meu rio se tornou um mar. Com efeito, a luz da ciência que eu derramo sobre todos é como a luz da aurora  que eu faço resplandecer ao longe.
Penetrei em todas as profundezas da terra, e lançarei um olhar por todos os que dormem, e alumiarei todos os que confiam no Senhor.
Continuarei a espalhar a minha doutrina como uma profecia, e deixá-la-ei aos que buscam a sabedoria, e anunciá-la-ei aos seus descendentes até ao século santo (Jl 2, 28; Act 2, 18). Vêde que não trabalhei só para mim, mas para todos aqueles que buscam a verdade.








Respeitando o Texto do 
Livro do
ECLESIÁSTICO
ou 
Livros Sapienciais

===============================================

+++++++++++++++++++++++++++++++++++

000000000000000000000000000000000000000000000

Local onde se processa este Blogue

miscelania 003

********************************

00000000000000000000000000000
Este texto deverá ser publicado em
24 de Novembro de 2014


http://es.catholic.net; http://santiebeati.it; http://jesuitas.pt; http://bibliaonline.com.br/acf; http://wikipedia.org.